Balanço (sincero) da briga Ferrari vs McLaren em 2010

Conversamos, discutimos, falamos e sempre chegamos ao mesmo ponto: Ferrari, McLaren, Red Bull e Mercedes são os 4 melhores times do campeonato e com eles ninguém pode (Renault está lá, mas…). Ou seja, quando alguém reclama que só se fala do Top 4, isto não é errado, já que essas equipes estão na briga pelo título e merecem a nossa atenção. As outras que esperem, oras…

Na verdade, o meu intuito com este post é mudar um pouco a temática do blog, não na totalidade, mas um pouco, para que o perfil aqui não fique como robotizado, onde você “só” lê as análises, gráficos, coisas sérias e tudo mais. Estou sendo sincero, as vezes cansa. Eu gosto muito de estatísticas, o lado técnico e todo do tipo, é algo que me atrai. Mas, na balança, temos que aproveitar o lado descontraído da F1 (apesar de saber que é uma Missão Impossível para mim descontrair), por isso aqui vai, em uma terça feira que ninguém aguenta para a Fórmula 1 chegar , e com uma pausa do Leitor do Mês, (calma, teremos análises e tudo como sempre) um balanço, sincero, da briga Ferrari vs McLaren em 2010:

A Ferrari está otimista, mas o carro faz cara feia. Tem problemas aqui, lá, válvulas pneumáticas (que ninguém sabe o que é), aquecimento dos pneus do Massa, F-Duct, e a briguinha interna da dupla Tifosi. Mas é a favorita para conquistar o mundial (isso me diz as 4789 enquetes que vi pelo mundo e o que Alonso disse ontem). Enfim, a verdade é que sempre se espera, mas pouco se tem.

Alonso quer se manter a frente de Massa na Espanha e Massa quer se manter na frente de Alonso na Espanha porque outras coisa não o irá satisfazer. O grande problema e algo que é até chato é, que, se Alonso vai melhor em uma certa corrida, todos o colocam como favorito e que Massa já era. Se acontece o contrário, é porque Alonso virou escudeiro e Felipe vai arrebentar. Desculpem, mas, isso não acontece, muito menos na Ferrari, meus amigos.

Os milhões do Santander colocados no Don Alonso pesam na situação, jogando a cortina a favor do espanhol e deixando Massa de lado, excluído, isolado. Menos, menos, não creiam que Felipe não faz jus ao seu valor na Scuderia. Se Alonso tem a metade do time com ele, Massa tem o outro. Mas não falta quem diga o contrário, que Felipe vai virar um 2º Barrichello as sombras de Alonso (como Rubens foi as de Schumi) e ser derrotado.

Penso eu que se Massa é inteligente, pega suas malas e vai embora, sem ficar renovando contrato se saber que, cedo ou tarde, os milhões do Santander vão favorecer Alonso. Senão, vença. É isso o que eu penso.

Mudando de ares, vamos a McLaren. Hamilton e Button estão lá, brigando para ver quem é o melhor. Para os que esperavam um banho de Lewis a Button………………. Não aconteceu. Mas claro, é bom apostar em que Hamilton vira porque as pistas são secas, e Hamilton conseguiu 24,8974 % das pistas em molhado e Button teve um aproveitamento de e blá,blá,blá. Já são 4 corridas, a metade vencidas por Jenson e o esquema vai como planejado? Não, mas é algo que necessita ser estudado e revisado pelos técnicos de Harvard, obiosully.

O que ainda não entendi é porque tanto se diz sobre, Button é um campeão sem graça, Hamilton é Showman. Faça uma enquete e pergunte: Você prefere ser showman ou campeão mundial de Fórmula 1? Resposta aqui. Eu, particularmente, prefiro os Showman, aqueles que dão graça a F1. Citando exemplos, temos Gilles Villeneuve. Um piloto extremamente arrojado, veloz e talentoso, mas que acabou sendo traído pela segurança da época (como muitos outros grandes pilotos, campeões inclusive) e morrendo nas pistas. Em outras palavras, virando um herói, como Ayrton.

Acredito que os arrojados de antes tem que ser valorizados muito mais por causa das condições de segurança e por manobras, muito mais complexas e bonitas do que uma ultrapassagem no box, que não passa de algo normal, mas nesta nova era é tido como punição, o que não é.

Agora, vejamos Prost por exemplo. Um dos melhores pilotos da história mas que você dormia vendo ele correr. É o que acontece com Button- salvando as distâncias. Por isso, aos que comparam Lewis com Mansell, revejam esse conceito e percebam que Hamilton se encaixa muito mais no perfil de Senna…

Voltando ao tema da McLaren em si, estado puro geração 2010, o que vemos é um festival de parafernálias para acertar o carro no ponto (o que ninguém consegue). Difusor duplo (ou triplo), Asa Duto e tudo o que passar pela cabeça dos projetistas. Uma beleza, algo que enche os olhos e, pelo menos para mim, me faz ver como a F1 é simplesmente fantástica por causa deles, os detalhes.

Mas o lado perseverança, luta, tem que aparecer novamente. Sei que é difícil, ou mais, muito difícil, que isso aconteça em 2010, porque a F1 mudou para pior (sim eu já disse isso).

Não vou perguntar quem é melhor, se Ferrari ou McLaren, porque é covardia, mas se encha de sinceridade e poste um comentário. Não tenha medo, é bom ser sincero (apesar de eu não ter sido totalmente aqui), e creio que todos serão. Depois, voltamos a nossa querida F1 2010 para mais um GP que vai colocar os cabelos de Você-Sabe-Quem de pé…….

Obrigado, Tomás.

36 respostas para “Balanço (sincero) da briga Ferrari vs McLaren em 2010”

  1. Com toda a sinceridade, não da pra saber qual das duas é melhor no momento. A McLaren é mais confiável mas a Ferrari é mais rápida. Só tenho certeza de uma coisa: a Red Bull tá melhor que as duas.

    Sobre o que você falou sobre o Hamilton, não concordo que ele se encaixe no perfil de Senna. Acho que ele ta mais pra Mansell mesmo. Voa muito mas comete alguns erros inacreditaveis de vez em quando. Era muito mais dificil ver o Senna errar feio.

    Só sei que esse campeonato vai pegar fogo e eu quero ver o coro comer solto.

    Abraços. Carlitos.

      1. “concordo que o Hamilton é muito mais comparavel com o Mansell do que com o Senna…”

        Porque exatamente?

      2. por que ja vimos o Hamilton ser tão arrojado quanto o Mansell e não suportar a pressão assim como o proprio, apesar de ser um show-man , ele comete erros q mostram a imaturidade q o Leão tinha em seus tempos, é tudo ou nada, e muitas das vezes acabam com o nada…

      3. “e muitas das vezes acabam com o nada…”

        E o Mansell sabe muito bem o que é acabar com o nada várias vezes!

  2. acho q o gp da espanha vai dizer muita coisa, em relação a todos não apenas Ferrari e Mclaren
    pois a f1 é mais complexa do que antes, eu sinceramente prefiro ver um showman, maaas pergunta pra qualquer piloto no mundo inteiro, vc préfere dar show ou ser campeão? pergunta pra qualquer diretor de equipe, e a resposta vai ser sempre a mesma, prefiro ser campeão, eu mesmo, se competir, prefiro 10 vezes levar o caneco de campeão do que um que diga Honra ao mérito… enfim…. Button não é sem graça, e o Hamilton, show-man ou não, ele tem seu titulo… os único que ta atras nessas duas equipes é o Massa, que tem o seu vice… então, concordo com o Tomas, se ele vê q a situação vai ficar suja e a equipe passar a se chamar Santander Scuderia … não vai faltar equipe de braços abertos pra ele… acredito q ele caberia perfeitamente na Red Bull ou numa Mercedes ( ao lado do irmãozão dele) ou até da Renault , pq acreditem, Kubika vai fazer ela voltar a ser a temida Renault….
    ahhhh, só tem uma coisa, não acho q o Alonso seja o campeão esse ano… ( desculpa por essa Tomás =p )
    acredito no Vettel…
    mas enfim, entre Ferrari e Mclaren…so bem mais a Ferrari…
    abraços

    1. “ahhhh, só tem uma coisa, não acho q o Alonso seja o campeão esse ano… ( desculpa por essa Tomás =p )”

      Não tem que desculpar não, que é isso.
      cada um com seu palpite, mas eu acho, pelo menos por agora, que Vettel tem que amadurecer mais ainda…

  3. Muito bacana o post, cara…

    Quanto à Ferrari/McLaren (aplica-se aos outros times também), vou insistir na mesma tecla que vivo batendo por aí na internet: o campeonato é feito de FASES. A Ferrari das quatro primeiras corridas estava como aquele Hamilton desenhado pelo Galva em toda transmissão, ou seja, forte, mas com falhas graves que prejudicaram seu desempenho. A McLaren já começou o ano bem mais consistente.

    Caso é que, na temporada européia, muita coisa pode mudar, até a RedBull é capaz de perder desempenho e ser ultrapassada em qualidade pelas duas monstruosas, Ferrari e Mc. E depois, no trecho final do Mundial, pode acontecer de a Mercedes, quem sabe, roubar a cena. Ou a Renault, ou a Force India, como foi ano passado.

    Apontar um favorito agora seria dar tiro no pé.

    Ah!

    “Depois, voltamos a nossa querida F1 2010 para mais um GP que vai colocar os cabelos de Você-Sabe-Quem de pé”

    Eu não sei quem mesmo hahahah

    Abraço, e continue com o bom trabalho, salvo errinhos de português que só esta chata é capaz de notar rsrs

    1. Obrigado debora!

      ““Depois, voltamos a nossa querida F1 2010 para mais um GP que vai colocar os cabelos de Você-Sabe-Quem de pé”

      Eu não sei quem mesmo hahahah”

      Na verdade não é alguém em específico, cada um coloca quem acha que for, hehehe.

      valeu e um abraço!

  4. Sinceramente? Acho que nem tem como fazer balanço dessa briga porque só tivemos 1 corrida em condições normais. E foi justamente a de estréia, que só por esse fato pode ser considerada como “anormal”.
    Espero que a Ferrari e Felipe consigam resolver o problema da temperatura de pneus, porque se continuar assim, Massa vai ser segundo piloto mesmo.

    Já que você falou do perfil do Hamilton, eu acho que bate mais com o Mansell mesmo. O próprio Lewis vem dizendo ao final das corridas que “correu com o coração”. A característica cerebral do Ayrton era bem mais evidente do que no jovem inglês. Mas também não dá pra dizer que é errado fazer um paralelo entre Ayrton e Lewis.
    Abraço

    1. “? Acho que nem tem como fazer balanço dessa briga porque só tivemos 1 corrida em condições normais.”

      Eu acho que o problema é justamente esse KBK.
      Aí começamos a separar as corridas anormais das normais e sempre é cedo para comparar…

      “Já que você falou do perfil do Hamilton, eu acho que bate mais com o Mansell mesmo. O próprio Lewis vem dizendo ao final das corridas que “correu com o coração”.”
      Confesso que isso é verdade.

      abs.

  5. Sinceramente??? Esta é a melhor temporada de todos os tempos, e que me perdoem os clássicos e nostalgicos, mas site alguma temporada de qualquer decada, onde teve tanta disputa, tanta equipe de ponta, tanto piloto campeão, e tanto talento brigando por posições e por vitórias??? Em que temporada teve uma união do mundo da Formula 1 (incluindo fãs, jornalistas, pilotos e organizadores da FIA) onde depois de apenas uma corrida monotona já queriam mudar as regras pq o show parecia ser tedioso??? Olha aonde a F1 chegou, onde todos estão empenhados a ver espetaculo, mas não só isso, todos em pró de um só objetivo: A satisfação de estar vendo a melhor e mais competitivel categoria da história da F1!!! Já tivemos de tudo este ano, Schumacher pagando seus pecados e pagando por voltar tarde demais, (ou por voltar prematuramente, ao invés de ficar um ano treinando como piloto de testes)!!!Lewis dando o maior show da sua vida, e inclusive lembrando Senna e suas corridas espetaculares na chuva/seco!!! Button sendo genial como Alan Prost, e mais, Button pode ser assim como o mestre francês campeão por duas equipes diferentes!!!

  6. Por ser fã da Mclaren, sou suspeito, mas a equipe sabe desenvolver um carro, na Temporada passada, com aquela bosta(MP4/24), conseguiram ganhar 2 corridas, este ano o carro ainda tem a desenvolver, mas em condições normais acredito q estão atras de Ferrari e Re Bull em classificação e no ritimo de corrida atras somente da Red Bull.
    O estilo de pilotar do Hamilton lembra o Senna no inico da carreira,onde ele fazia de tudo, mas amadureceu e virou o piloto q todos conhecem, Hamilton falta esse tempo.

  7. Eu continuo com a opinião, que a McLaren ainda detecta melhor os problemas do carro e é mais agil na busca de soluções, já a Ferrari nessa nova fase, tem se mostrado lenta e pouco criativa para solucionar as pendengas técnicas, que deixam o carro mais devagar. Hamilton
    ser comparado com o Senna, para mim ainda beira a eresia, mas tambem não pode ser comparado ao Mansell, que nada mais era que um porra-loca da FI e só conseguiu um campeonato com um carro, que praticamente se dirigia sozinho, o então famoso carro aranha. Sem esse carro, o Sr. Mansell com certeza não teria conseguido mais que essa fama de maluco, que conseguiu a base de muitos acidentes e incidentes ao longo da carreira. Talvez por isso, seja guarda de transito hoje em Londres, quem sabe aprende.

    1. Talvez por isso, seja guarda de transito hoje em Londres, quem sabe aprende.

      ahahaha

      Na verdade, comparações sempre são polêmicas, principalmente quando os pilotos são de épocas diferentes..

      1. Tomas, eu vi os dois correndo ao vivo. No tempo do Senna ainda tinha o agravante do cambio manual, embreagem sem artificios hidraulicos e muitas outras “cozitas mas” tão ao gosto dos pilotos de hoje. Assim, como acho, apesar de nuncar ter visto correndo, que o Fangio (apesar de argentino) deveria ser melhor, que todos eles, que dirigia praticamente um caixão com motor, você já imaginou as dificuldades para se manter aquele caixote correndo. O Hamilton é um bom piloto, foi preparado para ser piloto de FI desde a infancia, mas compara-lo ao Senna, que eu vi correr é exagero e dos grandes.

      2. “apesar de nuncar ter visto correndo, que o Fangio (apesar de argentino) deveria ser melhor”

        Newton, na minha opinião, o Fangio é o melhor disparado de sua época, sem dúvidas.
        Com certeza, o carro que ele possuia e as condições de pista e adversários poderiam o favorecer, mas com Ascari (esse sim era bom, o Farina não era tanto assim), Moss na pista eram duelos bonitos.
        eu não comparo ele com Ayrton e Schumi porque, como disse, foram épocas diferentes, fica na nossa memória recordar..

        um abraço!

  8. ” O lado descontraído da F1 (apesar de saber que é uma Missão Impossível”
    Tomás, adorei a piada, lado descontraído é em outra categoria!

    O Felipe Massa, vai ter que mostrar aquela garra escondida até agora e a velocidade pura, suas maiores qualidades antes do acidente, para ai sim disputar em igualdade com o dom Alonso.
    O que se mostrou nesse inicio é o Fernando fritando o Massa em óleo quente.

    Pelo que mostrou até agora, nenhum piloto hoje do circo, tem o domínio sobre um F1 como o Lewis e é o piloto para quem amam a F1 com cada ultrapassagem que faz, deixa uma pergunta no ar, “Como um piloto consegue fazer as ultrapassagens que os outros pilotos não conseguem?”

    Fernando Alonso, é o que podemos dizer o tal piloto completo, que não admite perder um campeonato, ainda mais perder para um companheiro de equipe, é tão bom que tem aquele algo mais, como vimos, no grande Senna, no alemão Michael, no Hamilton e alguns outros piloto campeões, que para ganhar serve usar qualquer meio, legal ou ilegal, penso que vende até a mãe, o importante é vencer, se fosse atleta olímpico usaria qualquer droga.

    Button e Felipe, são do tipo mais calmo, mais equipe, é aquela criança que levava uma maça para suas professoras.

    Hoje não posso dizer, quem é essa equipe Ferrari atual, a unica coisa que passa é confusão italiana, que precisar bem mais verbas para fazer algo igual.

    Mclaren, o foco parece ser a eficiência, metas a serem cumpridas.

    1. Belo comentário.
      “Button e Felipe, são do tipo mais calmo, mais equipe, é aquela criança que levava uma maça para suas professoras.”

      Gostei da comparação, ótima!!!!

  9. Fala Tomás !
    1 . Massa e Alonso : Esses dois que no ínicio do ano juraram piamente fidelidade na transparência , e lutar pelo que é de mais importante ; a equipe Ferrari , não sei não , mas acabou alí mesmo logo depois de ” tais ” juramentos .
    Não tenho nada contra , e nem a favor de Massa e Alonso , mas o lema do Alonso a partir da Mclaren é esse : ” O primeiro inimigo a matar é o meu companheiro de equipe ” .
    Cedo ou tarde o ” pau vai comer ” porque suas “biografias” , muito claramente mostram isso , é só ” puxar ” pela memória .
    Espanha 2007 , Alemanha 2007 , Brasil 2007 ( essa então foi foda , é só pensar , porque o Massa ,tirou por um pontinho o tri do Alonso ) e por último China 2010 .
    E na Catalunha ambos estão alí , frente a frente por três grandes e enormes desafios : vitória , liderança do campeonato e principalmente , por suas afirmações dentro da equipe ( mas com larga vantagem para Alonso )… ôpa … pérai …desde de que as soluções aerodinâmicas e mecânicas testadas por Fisichella , buscam finalmente fugir dessa terrível ameaça que é a falta de confiabilidade que assola o time italiano .
    2 . Button e Hamilton : Se a Ferrari é vício , na Mclaren é o oposto isso é ; virtude .
    Não juraram fidelidade , porque já são fiéis , não juraram transparência , porque já são transparentes e , é isso que vai ser fundamental para o grande sucesso da Mclaren para essa temporada , pois a união de toda essa equipe , faz com que não fiquem com seus objetivos estagnados , tornando assim seus carros ainda mais velozes .
    Quanto Hamilton ser o hoje o “showman” tá … tá legal … até pode ser , mas não se compara nunca a um G.Villeneuve , até porque a F1 de hoje , não permite que isso aconteça , mas tenho que admitir que o Hamilton fez algumas manobras espetaculares e corajosas e , é um belo dum estilo .
    Mas , eu prefiro muito mais o estilo do Button ( e não me dá sono … rsrsrs ..), tocada limpa , ultrapassagens seguras , aquela roda sempre no mesmo lugar , tempos quase rigorosamentes iguais , o cara da três quatro voltas , todas praticamente no mesmo tempo , isso pra equipe é fundamental para coletar dados precisos , é do tipo desse piloto que as equipes gostam e sonham .
    3 . Pô Tomás me perdi … aonde estava mesmo … ah tá me achei , então Tomás , com toda sinceridade , sem medo de errar , digo para o mais própero , o bem-sucedido , o mais afortunado dos homens que é você Tomás , que : a virtuosa Mclaren em todos os sentidos é infinitamente melhor do que a viciosa Ferrari .
    Que assim seja . amém … rsrsrs …
    Grande abraço caríssimo Tomas !

    1. É isso Marco, excelente comentário também!!!

      “Não juraram fidelidade , porque já são fiéis , não juraram transparência , porque já são transparentes e , é isso que vai ser fundamental para o grande sucesso da Mclaren para essa temporada , pois a união de toda essa equipe , faz com que não fiquem com seus objetivos estagnados , tornando assim seus carros ainda mais velozes .”

      Nossa… 🙂

      P.S: Esqueci de te avisar, lembra da promoção? Então, o Pedro não respondeu aqui nem enviou e-mail, então depois de vários dias, o prêmio é seu. Depois me passa seu endereço para eu enviar para você, enfim, os dados certos de correspondência 🙂
      abraço!

      1. Coisa linda !!
        Quer dizer então que , nem sempre o segundo colocado é o primeiro derrotado ?!
        Tomás , essa revista tem que vir autografada heim !?
        Agora falando sério ( mas o autógrafo é sério ), aquele endereço que você forneceu para o Pedrão , não estou conseguindo acessar , como faço então ?

  10. Embora a Ferrari esteja com o carro mais veloz, a McLaren possui um conjunto mais regular, tanto que não enfrentou problemas mecânicos nessas primeiras corridas.

    Entre os pilotos, acho o estilo do Hamilton uma mistura de arrojo de Mansell com velocidade de Senna, e ainda comete alguns erros bobos e compromete sua atuação. Hora um gênio, mas em outros momentos amador, vide erros como na China, em 2007, e no Canadá, em 2008. Jenson Button não é necessariamente um Alain Prost, mas está próximo, é um pouco mais arrojado, e tem acertado nas estratégias. Aliás, Nico Rosberg tem sido muito parecido com o inglês neste ano, sem se destacar pelas atuações, mas conquistando resultados expressivos.

    Na Ferrari, como já disse, Felipe Massa vai ter que lutar contra Alonso, a imprensa espanhola e o Banco Santander, patrocinador pessoal do asturiano e da escuderia de Maranello. O espanhol é um ótimo piloto e entende de politicagem, e isso será um grande desafio para Felipe, que se mantém firme.

    No geral, vejo a McLaren na frente, devido ao relacionamento mais sólido entre Hamilton e Button, além da regularidade do time inglês. Já a Ferrari ainda não teve problemas entre Alonso e Massa, agora, se o brasileiro estiver melhor, o espanhol o ajudaria em um eventual jogo de equipe?

    1. “Já a Ferrari ainda não teve problemas entre Alonso e Massa, agora, se o brasileiro estiver melhor, o espanhol o ajudaria em um eventual jogo de equipe?”

      Acho que sim, é regra lá em Maranello, dizem..

  11. Olá! Gostei desse papo de “sinceridade”, rs. Ferrari e McLaren são as duas escuderias da F-1 que mais tem fãs pelo mundo, então é normal que role uma polemicazinha mesmo, kk :). E, Tomás, foi bem interessante mesmo você ter escrito um post apenas com as equipes de Maranello e de Wooking, porque elas já estão juntas no páreo há alguns anos, medindo forças disputando o título ou o fim do grid (como ano passado, kkkk). Por isso sempre aparece a discussão: qual é a melhor?
    Confesso que apesar de simpatizar mais com a Ferrari, a McLaren dá a impressão de estar na frente por causa da confiabilidade. Além disso, a escuderia italiana é muito bagunçada… kkkk, coisa que não acontece tanto no ambiente da sua rival. A McLaren tem se mostrado melhor até nas estratégias, rs.
    Mas a Ferrari também conta com dois pilotos muito talentos e, até certo ponto, experientes. Sem querer medir o talento de Alonso e Massa com o de Hamilton e Button, os pilotos da Ferrari podem ser um diferencial para ajudar a equipe a ganhar o campeonato. Isso, óbviamente, se os dois latinos não decidirem brigar e abandonar o tratadode paz mútua dentro da equipe… Isso pode fazer diferença para ambos os pilotos da equipe italiano no final do campeonato. Porque do outro lado na equipe de Wooking, vemos Button e e Hamilton dando o melhor de si e fazendo elogios mútuos.
    Abraços,
    DTA 🙂 !

    1. “E, Tomás, foi bem interessante mesmo você ter escrito um post apenas com as equipes de Maranello e de Wooking, porque elas já estão juntas no páreo há alguns anos, medindo forças disputando o título ou o fim do grid (como ano passado, kkkk). Por isso sempre aparece a discussão: qual é a melhor?”

      Obrigado Ester!
      Eu não creio que tenha uma melhor não. É o papo de sempre, cada uma tem as suas qualidades, mas a McLaren parece mais “séria e organizada”.

  12. ” válvulas pneumáticas (que ninguém sabe o que é)”

    São para injeção de ar para queima de combustível, quanto melhor a regulagem desse ar, melhor a queima, mas potente será e mais econômico ainda.

    Você esses nomes pela rua no dia a dia, Peugeot 206 1.0 16v “V” de válvulas, sem elas nãohá injeção de ar, e se acontecer vazamento de ar, perde-se potência e consequentemente a quebra do motor por usar um regime de giros maior.

  13. Tomas;
    Por equanto sou mais Mclaren do que a Ferrari, pois a Mclaren parece hoje mais confiavel do qualquer outra equipe, a Ferrari é muito instavel, e Red Bull parece ser rápida apenas nos treinos classificatorios, mas as coisa mudarão em Barcelona.

    Abraços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s