Quem é o seu favorito para vencer em Canadá?

Depois de um GP bastante agitado na Turquia, com direito a briga sensacionais entre companheiros de equipe, a F1 começará a estacionar em Montreal, Canadá, após dois anos de espera da volta da prova canadense- a última foi em 2008. A Red Bull ainda continua como favorita, mas não podemos esconder a aproximação da McLaren, que aparentemente é a única equipe que coloca risco no poderio dos touros.

Esta semana que se passou foi baseada em sua maioria na briguinha entre Vettel e Webber tendo como “papel de parede o incidente entre ambos em Istambul. A Red Bull, que não é boba, obrigou seus pupilos à fazer as passes e manter a boa relação dos velhos tempos. Porém, o que interessa mesmo será como o RB6 vai se comportar no complicadinho traçado de Gilles Villeneuve.

Ele que exige bastante do carro pelas suas retas e estabilidade. Logo, pensa-se no F-Duct, coisa que a Red Bull não terá em Montreal (o motivo é que não deu tempo) mas que já testou na Turquia.

Com isso, a possibilidade de vitória de Vettel ou Webber pode reduzir, mas obviamente é impossível desconsiderá-los (pelo menos) para a conquista da Pole Position.

Eu particularmente aposto na McLaren para o fim de semana no Canadá.  A asa duto, importante por causa das retas do circuito, o bom pacote do carro como Withmash já deixou claro que se adequa com as característica do MP4-25 além da força dos motores Mercedes (o que ocasionalmente ajudará a própria Mercedes também) como Nico Rosberg já destacou, serão sem dúvida uma força extra para buscar novamente o 1º lugar. A vitória de Hamilton em 2007 servem como superstição.

O time de Rosberg e Schumi (que já venceu 7 vezes neste circuito) vem em um contraponto para Montreal. Enquanto os pilotos apostam em uma melhora da equipe e estão bastantes otimistas, Ross Brawn é mais realista. Segundo ele o F-Dcut fará diferença, como eu já comentei, mas retas do circuito:

Eu acho que se você tem o F-duto funcionando corretamente, você tem força aerodinâmica nas curvas e não tem o arrasto nas retas. No momento, nós não estamos conseguindo tirar suficientemente o arrasto nas retas. a McLaren foi inteligente o bastante de surgir com o conceito e tem muito mais experiência com ele. Quando ele funciona corretamente é uma ferramenta muito poderosa.

O que por acaso corrobora a ideia de um triunfo prateado batendo a Red Bull mais uma vez, só que agora com um melhor carro e sem incidentes, o que, curiosamente, no Canadá são frequentes.

Pulando para o lado Ferrarista, que não passa por bons bocados, Alonso é o que sempre tem fé na equipe e promete ser mais competitivo a cada etapa:

Tenho fé em nossa equipe e especialmente no desejo de ganhar de todos. Estamos convencidos de que no Canadá a situação começará a ser diferente. Acredito que definitivamente seremos mais competitivos.

É claro que a fé não leva a lugar nenhum,mas se a Scuderia quiser passar pelo mau momento no campeonato, Montreal é o lugar. O grande pacote aerodinâmico que tem a promessa de dar melhoras ao F10 virá só em Valência, porém existe um fator interessante levantado pelo leitor Carlos Roberto (ou Carlitos) dias atrás no blog. Trata-se dos pneus:

Bem, chamo atenção para um fato curioso que tem acontecido até agora. Pode parecer ridículo mas, esse mau desempenho da Ferrari se deve unicamente aos pneus. Claro que outros fatores contribuem para isso. Provavelmente o F10 tem uma falha de projeto que faz com que o carro não se comporte bem com os compostos mais duros de pneus. Já com os mais moles, o carro casa perfeitamente e volta a ser competitivo. E se prestarmos mais atenção ainda, a McLaren tem um problema inverso, porém, muito menos grave que o da Ferrari. Até agora, nos circuitos em que se utilizou os compostos mais macios (Barein e Monaco) a McLaren andou atrás da Ferrari e da Red Bull. Porem ainda nessas condições os carros da equipe inglesa conseguem manter o mínimo de competitividade. Já os carros da equipe italiana, quando se deparam com o seu ponto fraco simplesmente somem no meio do grid. Nas próximas duas etapas serão usados os compostos super macio e médio. Portanto, podemos esperar uma Ferrari bem mais forte na classificação porém, sofrendo em ritmo de corrida.

Portanto, se como nosso amigo Carlitos diz, a Ferrari encontra problemas com pneus duros, No Canadá ela poderá ter uma folga e reaparecer novamente na frente do grid- agora não sabemos se com força para bater, pelo menos, a McLaren.

Fechando em um plano aberto, não podemos esquecer do último vencedor (que, ok, se beneficiou com um incidente dos líderes da corrida, mas ganhou de forma convincente),Robert Kubica. O R30 apresenta algumas qualidades, e estas se encaixaram bem em Mônaco e funcionarão, segundo Robert, Em Canadá e Hungria:

Existem algumas boas pistas como Hungria e Canadá onde eu acho que nosso carro pode ir bem. Eu acho que estaremos fortes no Canadá, já que se encaixará no nosso nível de força aerodinâmica, então esperamos ser pelo menos tão competitivos quanto fomos aqui em Mônaco.

A verdade é que a questão está aberta. Red Bull vem já automaticamente como favorita. McLaren está na sua cola e pode dar o bote com o bom pacote aerodinâmico. Mercedes, Renault e Ferrari parecem vir na mesma linha, veremos quem se destacará e quem, ao longo da semana, estará otimista ou não com relação ao carro.

Então, Quem é o seu favorito para vencer em Canadá?

33 respostas para “Quem é o seu favorito para vencer em Canadá?”

  1. Em princípio, o favoritismo é de Red Bull e McLaren, com Ferrari e Mercedes correndo por fora. A Renault, cada vez mais próxima das ponteiras, pode aproximar-se ainda mais, principalmente com Kubica.

      1. Se, somarmos carro e estilo, aposto no Hamilton, o problema são as bobagens, que o ingles insiste em repetir.

      1. Se estiver chovendo ele é forte candidato. Afinal o cara é muito bom de estratégia.

        A julgar os GP da Austrália e China.

      2. Sim, mas aí cabe à nós dizer se foi sorte ou se ele pensou nisso mesmo.
        sorte ajuda todos nós,sempre.

    1. O presidente da Federação Norte Coreana de Futebol, acabou de declarar a um jornal francês, que a Coreia do Norte sera campeã do mundo graças ao empenho do Presidente Coreano. Então, por que o Trulli, não pode achar, que vai chegar aos pontos na proxima corrida, afinal, falar bobagens é um privilegio de todos, talvez ele esteja rezando para o mesmo santo do Alonso, que tem “fé” na melhora da Ferrari.

      1. “que a Coreia do Norte sera campeã do mundo graças ao empenho do Presidente Coreano.”

        ahsuahsuahsua, ok… ok…
        cada um que aparece não é Newton?

  2. Favorito????
    Não sei o campeonato pode passar por tantas fases, vejam:
    A Ferrari foi a grande campeã da pre temporada, inventou uma porca nova que era a revolução para as trocas de pneus, contratou o Alonso como um piloto que não erra e
    vem apanhando com o carro, com a demora nas trocas de pneus e com os erros do
    grande Alonso.
    A Red Bull, deveria ter feito acabado com o campeonato, pois tenha o melhor carro
    disparado e até agora?????
    A Mclaren, começou com um carro inferior e hoje já faz frente para a Red Bull.
    A Mercedes GP, vem tentando entrar nesse grupo de Red Bull e Mclaren.
    A Renault, com o grande Alonso, só andava atrás, ai diminuiu os investimentos,
    era para ter caido ainda mais, mais não é isso que tem acontecido, a cada GP vem
    evoluindo, realmente não da para compreender????

    1. Como nós sempre discutimos meu amigo Luiz Sergio, é a nova era da F1 que está dando seus primeiros passos.
      A cada dia as coisas estão mais incompreensíveis para nós que estamos do lado de fora desse circo, mas por dentro a “coisa” deve ser bem diferente.
      Como é que pode a Red Bull, uma simples empresa que fabrica energéticos se aventurar na F1 e em menos de 5 anos já estar com o melhor carro e fazendo 100% das Pole Positions, sendo que Ferrari vem à 800 GPs lutando por isso e a McLaren que vem à mais de 3 décadas??
      O exemplo da Brawn GP ano passado foi claríssimo que nem sempre se precisa investir 800 milhões de dólares para vencer.

      A Renault, por sua vez, foi sempre uma equipe talentosa, e, como poucos esperavam que ela se recuperasse do baque de perder Alonso, ela o trouxe de volta só para “soltá-lo” dois anos depois, passar por dificuldades, perder as suas duas pessoas mais importantes e, mesmo assim, contratar um polonês excelente que já tirou de letra dois pódios e é a grande surpresa de este ano.

      O favoritismo então é o conjunto de uma série de coisas (olha as “coisas” novamente). Ninguém vai apostar na Force India, Sauber, Toro Rosso, Hispania, Lotus e Virgin para vencer.
      Mas apostam em Red Bull, McLaren, Mercedes, Ferrari e até Renault.

      Ainda falta muito para acabar, mas aposto que ninguém havia apostado em Webber para esse ano.Está aí, os “velhos” ganhando dos “jovens”.

      Favoritismo? Esse se faz sozinho…

      1. Se, o Kubica estivesse dirigindo um Red Bull, sera que as coisas não estariam diferentes? Se, a Ferrari tivesse um projetista de primeira, que pudesse inclusive apostar em inovações sem ficar com medo de perder o emprego, estaria em melhores condições? Se, o Hamilton fosse menos afoito? Por enquanto, temos apenas muitos “Se”.

      2. Tomás, se você pesquisar vai ver que eu escrevi a poucas semanas sobre isso, Webber já no ano passado botou suas asas de fora, já estava pedindo até prioridade total, pois estava na frente do Vettel.
        Newton, não esqueça que em todos os anos da BMW, Kubica perdeu em pontos para o piloto reserva da Mercedes GP.
        Alguns pilotos são queridinhos dos críticos, Vettel e Kubica são esse exemplos, o Vettel é seu quarto campeonato e ele ainda é considerado sem
        experiencia, Kubica também, quando ele anda bem tem elogios, quando erra ninguém fala nada e esquecem rápido.
        Hoje todo mundo vem reclamando do Massa, mais tenho certeza absoluta que se o Felipe estivesse com um carro da Red Bull, já tinha disparado ou já era o campeão, falo do Massa mais tem outros pilotos também.

      3. “Se, o Kubica estivesse dirigindo um Red Bull, sera que as coisas não estariam diferentes”

        Para mim, seriam. e muito…

  3. O Trulli deve ter dormido com o palhaço, não tem outra explicação….
    Quanto a ponta, acredito que fique com a McLaren, mas, vamos esperar pelo menos os treinos livres pra ver…

  4. Boa tarde a todos!

    Aposto fichas em Hamilton com seu MP4-25, mas não decarto favoritismo de Mark Webber montado em seu Touro Vermelho!!

  5. Boa tarde a todos!

    Aposto fichas em Hamilton e seu MP5-25, mas não descarto Mark Webber montado em seu Touro Vermelho.

  6. Bom , o favorito pra mim tb eh o L. Hamilton 😀

    Mas adoraria ver o Kubica levando a Renault a vitória novamente ‘-‘

    Ah e me preocupei com uma coisa agora , será q a Globo vai passar a corrida ou vai passar a copa ? D:

    Não quero assistir a corrida ilegalmente pela internet :/ , espero q a Globo nao de uma de Band q fica cortando do futebol pra Indy direto…

  7. Minha aposta fica com Hamilton..
    Vem de uma vitoria…o circuito favoresse o acerto das McLarens…
    vamos ver….Tudo indica q as RBRs veem forte tbm…Se nao fizerem besteira podem brigar pela ponta…principalmente Vettel…q precisa mostrar serviço e apagar a lambança…

    A Ferrari ainda precisa trabahar muito…deve melhorar, mas n acredito que vai ,lutar pela vitoria em condições normais…

    Uma provavel surpresa pode serK Kubica, o polones vem fazendo um bom campeonato…surpreendendo na verdade…Com o q tem na mao ele pode procurar ficar na frente das ferraris…qm sabe de alguma mercedes…

  8. Hamilton. Mas a Red Bull e a Mercedes iram estar fortes. Schumacher pode ser a surpresa, vem de um 4º lugar.

  9. Hamilton…
    Alem de ser um grande piloto, vem numa gramde equipe que esta perto da RBR.
    Minha aposta é no Hamiltom

  10. de verdade, assim verdadeira?
    paro o Canadá deve dar Mclaren na cabeça!
    Não teria um palpite certo se Hamilton ou Button, a lógica deveria ser Hamilton, que por sinal daí sim imagino que vai cravar a pole. Mas quanto a corrida até pode dar o Button, o gp do canadá é desafiador, muita gente boa tem no mínimo raspado o muro lá.
    É um circuito rápido, poucas curvas, pouco usado também ou seja apresenta o problema de não ter emborrachamento adequado.
    Pneus serão supermacios e médios, portanto a Ferrari até poderá verificar uma pequena melhora em seu desempenho, são os mesmos pneus de Mônaco.
    Vão perguntar e a Redbull? vai com certeza vir bem, mas imagino que pra essa prova segunda força.

    Na coluna do Livio orichio tem uns dados interessantes sobre a Redbull que nos motivam a pensar um pouco, senão vejamos:

    Como sabemos o forte da REDBULL é sua eficiência aerodinamica, visivelmente comprovada na Turquia na famosa curva 8 onde era 15km/h mais rapida que os outros.
    No entanto no gp do canadá, o tempo que os carros permanecem em curva é bastante breve. Suas curvas são lentas e curtas. Muitos trechos de aceleração plena, as retas correspondem ao maior índice do tempo de volta. Sendo assim, Lewis Hamilton e Jenson Button, da McLaren, podem ser considerados os favoritos: a McLaren é quem tem as melhores velocidades nas retas.

    Outro aspecto que poucos sabem (eu também desconhecia e talvez como próprio Orichio comentou, talvez o motivo de problemas nos freios da REDBULL) é que o sistema de freios será muito exigido tanto no canadá como em valência. Newey instalou as pinças na porção inferior do disco, a fim de abaixar o centro de gravidade do carro. As demais equipes já tentaram no passado a solução e abandonaram.

    Apesar de ajudar grandemente no projeto do carro, expõe o sistema de freios a esforços complexos de serem atenuados. Só a Red Bull mantém a solução. Não foi por acaso que Vettel já enfrentou em algumas oportunidades dificuldades com os freios. Chegou a perder para Fernando Alonso a corrida de Bahrein por esse motivo.

    Adrian Newey, optou por desenhar um monoposto com distância entre-eixos mais curta que os concorrentes. Como consequência, o RB6 tem um tanque pequeno. Na Turquia, a equipe orientou Webber a reduzir o ritmo para não enfrentar o risco de uma pane seca no final da prova. No Canadá e em Valência, essa preocupação será ainda maior. Estão dentre os traçados de maior consumo de gasolina.

    Então é isso, se eu tivesse um dinheiro sobrando apostaria nas Mclaren.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s