Mercedes não vai abandonar o desenvolvimento do W01. Vale a pena?

Parece que Ross Brawn não desiste mesmo este ano. Já está mais do que provado que o W01 não tem potencial para disputar de igual para igual com Ferrari, McLaren e Red Bull, mas dentro da cúpula da Mercedes, a aposta é continuar avançando no carro do time em 2010.

Até que ponto isso faz sentido é muito dificil saber, até porque a maioria das equipes que não se encontram em chances de disputar por bons resultados já partem para o projeto do ano seguinte, mas Brawn alega que “muitas coisas precisam ser feitas no monoposto nas próximas corridas”. No que isso adiantaria afinal?

Seguramente para dar um maior respaldo para a temporada de 2011 e dando uma estabilidade para um carro que é bem nascido, mas precisa de muitas melhorias em várias partes de seu desenvolvimento. Mas, continuar a gastar recursos em um caso que já está perdido?

Rosberg se encontra a 35 pontos de Hamilton e não tem condições de disputar por pódios. Um bom up-grade ainda não foi dito, mas provavelmente ele não acontecerá.

Schumacher parece viver um momento péssimo na carreira e uma legião de fãs ao redor do mundo já estão apostando quando ele se aposentará. O carro não parece ter nem se assemelhado ao gosto de Nico (que já havia sido vice-líder) nem muito menos ao de Schumi. O fornecimento de motores está no limite. E a Renault está se aproximando.

Vale a pena?

8 respostas para “Mercedes não vai abandonar o desenvolvimento do W01. Vale a pena?”

  1. Esse carro parece estar ultrapassado, afinal deve ser o carro da Honda feito em 2008, evoluido, trouxe otimo resultado quando dominou o campeonato devido ao disusor, a RBR aquele ano evoluiu muito chegando no fim da temporada melhor, não copiando o Bronw GP e sim desenvolvendo esse novo carro que esta ai, que se tivesse um motor mais potente estaria dominando o certame, acho que a mercedes foi a que menos aproveitou-se dos novos regulamento s e errou junto com a ferrari e outras, copiando duto e esquecendo de trabalhar no seu proprio projeto para copiar os outros, por fim se perderam, não tem um carro que evoluiu, ao contrario e passivo de em pouco tempo ser superado por carros que tem uma melhor curva de desenvolvimento, como Renault e Force India.

  2. Nem sempre focar-se no projeto do ano seguinte é uma garantia de sucesso. A Renault, em 2007, parou de desenvolver o carro daquela temporada para voltar-se no bólido do ano seguinte, mas não disputou o título, mesmo com os serviços de Fernando Alonso. Ano passado, a BMW continuou aprimorando o modelo ao longo da disputa, mesmo sem ter obtido resultados positivos.

    Não vejo problemas, pois muitas dessas peças poderão servir para o desenvolvimento do próximo modelo, além do que os alemães estão abaixo das expectativas, não mostrando os resultados esperados, tendo que dar retorno aos torcedores e patrocinadores.

  3. Não, essa é uma péssima opção, pois um F1 necessita melhorar a cada mês, a cada semana, a cada dia, a cada hora, uma equipe de ponta é obrigada a pensar na melhoria de cada parte do carro 24 horas.
    Só vou fazer uma comparação entre duas equipes, Mclaren e Ferrari:
    Mclaren, se preocupou com todo o carro e vem evoluindo a cada corrida.
    Ferrari, se preocupou praticamente em evoluir em uma única área, a pouco tempo percebeu que está caindo a cada corrida e voltou a trabalhar em todas as partes do carro.

    Não podemos esquecer que a Ferrari, fez essa opção o ano passado e isso mostrou que ela estava errada, pois só conseguiu ser a CAMPEÃ DOS TESTES DA PRÉ TEMPORADA.
    Alonso mesmo disse, “nunca andei em um carro tão bem” e a pouco tempo falou ” a Ferrari não evoluiu desde a primeira corrida”

  4. Acho que com a proibição de testes faz todo sentido testar nos gps com o carro deste ano soluções mecânicas e aerodinamicas que possa ser utilizadas nos bólidos de 2011.

  5. Eles querem ganhar pelo menos uma corrida pra não mostrar que a Mercedes é um fracasso total na disputa do título. Visto que ano passado a Mclaren até o meio do campeonato não fazia quase nada (A mercedes tem pódio já), e depois chegou a disputar por vitórias e até ganhar. Não acho que seja o certo abandonar o desenvolvimento no carro, mas é bom já ir pensando em 2011.
    Go Go Go Mclaren!!

  6. O melhor mesmo é testar algumas atualizações e focar mesmo no projeto do ano que vem, porque atualizar e continuar penando como está, vai é perder grana que pode ser usado para desenvolver o carro de 2011 e deixá-lo impecável como o Ross Brawn fez com a Honda que posteriormente virou a Brawn.

    Ainda aposto na McLaren nesse ano, com Hamilton.

  7. Não, nenhum dos dois pilotos se acomodou dentro do carro e não conseguiram fazer mais nada. A equipe pode gastar muito dinheiro e tempo que poderiam ser investido no outro ano.

    Diego Wendhausen Passos disse: “A Renault, em 2007, parou de desenvolver o carro daquela temporada para voltar-se no bólido do ano seguinte, mas não disputou o título, mesmo com os serviços de Fernando Alonso”

    Mas em 2008 a Honda parou no desenvolvimento da carroça que eles tinham, olhando em 2009. A equipe faliu mas os projetos foram pegos pelo Ross Brawn e deu no que deu.
    Novamente Ross poderia parar e dar uma tacada certeira no ano que vem.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s