Você é a favor da regra dos “107%”?

Depois de sabermos oficialmente que a Pirelli será a fornecedora oficial de pneus na F1 até 2013, mais uma boa nova (e muito ruim para as equipes da “F1b”) a FIA confirmou que pilotos que na primeira fase da classificação (Q1) tiverem suas marcas 7% mais lentas que a do melhor tempo, não poderão participar da prova.

Um grande baque para Hispania, Virgin e cia, que agora, além de gastarem recursos em uma série de fatores, vão correr o risco de ficarem fora de alguns GPs esse ano. Mas afirmo, isso é bom para a F1, e principalmente para Domenicali, que não quer carrinhos mais lentos atrapalhando seus carros de ponta. Uma medida para deixar de vez as equipes pequenas de fora?

Sendo assim, pergunto para vocês: Quem é a favor da regra dos”107%”?

20 respostas para “Você é a favor da regra dos “107%”?”

  1. Sou a favor SE permitirem os testes para as novatas. Sem os testes, veremos as novatas conseguirem correr pouquíssimos GPs, perderem seus patrocínios e saírem da F1, afastando outras “possíveis novatas”. Não será bom pra F1 se isso acontecer…

    1. “Sem os testes, veremos as novatas conseguirem correr pouquíssimos GPs, perderem seus patrocínios e saírem da F1, afastando outras “possíveis novatas”. Não será bom pra F1 se isso acontecer…”

      Com certeza. Mas temos que ver se a F1 quer equipes assim.

  2. Isso é a maior sacanagem.
    Como sempre a maFIA, não levou em conta o teto orçamentário que ela criou para abrir as equipes novas entrarem.
    Isso é seguir as regras da Ferrari, que só consegue fazer algum carro relativamente bons gastando fortunas.
    Quase todas as grandes fabricas saíram, o poço com gastos não tem fim.
    É como a Ferrari quer, colocando três, quatro ou cinco carros na pista ou mesmo até os 24.
    Cada ano inventam novos gastos astronômicos, novas regras para distânciar as equipes.

    1. Concordo plenamente.

      Falaram tanto em teto orçamentário, fato que não aconteceu. Para tentar minimizar as disparidades entre as equipes bloquearam os testes, porém prejudicaram e muito o desenvolvimento das novatas. O cabo de guerra criado com essas regras joga as novatas no caminho da desistência dentro da catergoria e para as possíveis candidatas coloca mais um fator de risco para a não se tornarem elegíveis a um posto na F1. Fato já percebido pela desistência de algumas escuderias para o proximo ano
      Já postei aqui uma vez e acredito que a F1 so se tornará competitiva nas pistas quando a igualdade de equipamentos for algo a ser levado em conta. Começou pelos motores em e espero ver acontecer.

  3. Tem seus pontos positivos e negativos.

    Negativos: As novatas, que possuem pouca rodagem e experiência em corridas, terão muitas dificuldades em se manter na Fórmula 1.

    Positivos: Ficarão na pista aqueles que possuem condições de acompanhar os carros mais velozes.

    Com a falta de respaldo às novatas, elas poderão sair da categoria por falta de recursos e dificuldades para manter os custos e um carro no grid.

  4. Sou a favor se voltarem os testes para todas as equipes, o que será proveitoso para as novatas se desenvolverem.

  5. NA COPA:

    Estados Unidos seu deu muito bem, Donovam Salvador!!
    Eslovênia chora e os ingleses passam também. Será que eles tem vida curta nessa copa?

  6. Não sou a favor n….
    Prefiro q a FIA tenha um processo de seleção mais claro, e eficiente…Sem que esse processo seja ditado por interesses….
    a regra dos 107% é uma medida que não da espaço p uma equipe pequena se desenvolver…
    é uma contradição…a F1 quer mais equipes, mas essas equipes encontram esses problemas…Imagine uma Hispania que vai para o Bahren, gasta com todo o transporte e logisica, e não corre….inviabiliza tudo o q a FIA queria (mais equipes no grid)

    Não sou a favor da regra, e sim de um processo seletivo das equipes mais eficaz!!

    1. E o q o Ron Groo falou é verdade…
      “Se uma das grandes não conseguirem esse tempo elas podem usar o dos treinos livres…”
      agora, imagina a situação: uma equipe grande faz os treinos livres com pista seca, e no treino oficial chove…]
      Agindo de má fé uma equipe Pode muito bem simular algum problema e nao marcar tempo suficiente no treino oficial, e pegar o tempo do treino livre (esse tempo teoricamente seria mais rápido) e assim tirar vantagem dessa regra!

  7. Agora sim traseira da Ferrari F10B

    Atenção não deixa copiar para ninguém…

    Cláudio Cardoso do que se vê que diz..

    Sirlan Pedrosa e vc?

    Abraços

  8. NÃÃÃÃOO. Cara todo mundo sabia que esses carros iriam ser muito mais lentos. Sacanagem para as equipes novas, eles não podem testar e não tem como desenvolver seus carros (carroças).

    Pilotos que estavam estreando e empolgados agora iram ficar de fora de muitos GPs.

  9. Mais uma regra idiota vinda de Maranelo, assim da duas uma, ela consegue treinos livres para as novatas, e compra uma equipe satelite que possa testar componentes para ela, ou então entra as Ferrari e Maclarem B, é um retrocesso ditatorial, imposto pela equipe que não pensa no esporte e sim em conseguir ganhar o esporte de forma pouco esportiva e usando o regulamneto feito apenas para ela, ponto pra Ferrari e FIA esta decretando o fim das novatas.

  10. A regra do 107% é só em 2011 champs!

    Mas vai ser bom voltar, aí veremos carros sempre competitivos o suficiente para sempre participar das corridas.

    1. Sim, é só para 2011.
      Eu fiz um comparativo com Hispania e cia como forma de demonstrar o que deve acontecer se ela fosse aprovada agora.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s