Hamilton em busca de ser o melhor piloto inglês da história da F1

Com a vitória em Spa, Lewis Hamilton igualou as 14 vitórias de Graham Hill, bicampeão inglês da F1, conquistou seu 34º pódio na categoria e igualou as 6 voltas mais rápidas de Mike Hawthorn, o 1º campeão inglês da F1. São números que demonstram o enorme talento de um dos melhores pilotos da atualidade, e que vai em busca dos recordes da dupla inglesa mais vitoriosa: Nigel Mansell e Damon Hill.

Lewis, que já foi vice-campeão no ano de estreia na categoria, mostrou que tem um estilo arrojado e uma tocada sagaz na sua pilotagem, e que é uma das provas de seu sucesso na Fórmula 1.

Já passou pelo que a maioria dos pilotos viveu em apenas 65 Grandes Prêmios e voa diretamente para seu bi-campeonato mundial, para igualar a façanha de Graham Hill, campeão em 1962 e 1968. Curiosamente, Hamilton já se coloca entre as principais figuras do automobilismo inglês (vejam bem, Inglaterra, e não Reino Unido, que compreende Escócia e Irlanda) e igualou o número de vitórias do herói Graham, com 14 triunfos.

Se for campeão em 2010, será o segundo bicampeão inglês da história. Ainda no quesito vitórias, falta pouco para alcançar Striling Moss, com 16. Damon Hill, 22, e Nigel Mansell, 31, já estão em outro estágio, mas que pode ser alcançado rapidamente por Lewis, talvez em 2 ou 3 anos.

Aqui abaixo, para quem gosta de estatísticas, números dos 8 melhores pilotos ingleses colocados no quesito de vitórias, Pole-Positions, pódios e voltas mais rápidas. Hamilton está em todas elas:

Vitórias:

  1. Nigel Mansell: 31
  2. Damon Hill: 22
  3. Stirling Moss: 16
  4. Graham Hill: 14
  5. Lewis Hamilton: 14
  6. James Hunt: 10
  7. Jenson Button: 7
  8. John Surtees: 6

Pole Positions:

  1. Nigel Mansell: 32
  2. Damon Hill: 20
  3. Lewis Hamilton: 18
  4. Stirling Moss: 16
  5. James Hunt: 14
  6. Graham Hill: 13
  7. Jenson Button: 9
  8. John Surtees: 8

Pódios:

  1. Nigel Mansell: 59
  2. Damon Hill: 42
  3. Graham Hill: 36
  4. Lewis Hamilton: 34
  5. Jenson Button: 29
  6. John Surtees: 24
  7. Stirling Moss: 24
  8. James Hunt: 23

    Voltas mais rápidas:

    1. Nigel Mansell: 30
    2. Damon Hill: 19
    3. Stirling Moss: 19
    4. John Surtees: 11
    5. Graham Hill: 10
    6. James Hunt: 8
    7. Lewis Hamilton: 6
    8. Mike Hawthorn: 6

    Agora, Hamilton se vê em um momento ótimo da carreira, e já é dono de 3 vitórias em 2010 e líder do campeonato. Nas próximas 6 etapas, a cidade de Tewin, em Hertfordshire, onde Lewis nasceu, deverá torcer mais do que nunca para o bi de seu maior ídolo.

    E, pouco a pouco, com seu talento, arrojo, vitórias e conquistando a cada dia mais fãs, Hamilton tem tudo para se tornar o piloto inglês mais bem sucedido da história. Você acredita que ele consiga?

    23 respostas para “Hamilton em busca de ser o melhor piloto inglês da história da F1”

    1. Eu acredito!

      Lewis vem evoluindo de forma incrível ao longo de sua carreira. Um início avassalador, sentindo a pressão da estréia apenas nas duas últimas etapas do mundial, ficando à apenas um ponto do campeão. Título na segunda temporada. Sentiu na pele o que é ter um carro fraco e foi capaz de liderar a equipe às vitórias na segunda metade da temporada de 2009. E 2010, sem ter o melhor carro, lidera o campeonato por sua consistência de resultados. Se não fossem os abandonos, teria pontuado em todas as etapas. Aprende muito rápido as mudanças de regulamento (largura de asas, pneus mais estreitos e slicks, KERS, tanque cheio) e se mostra sempre competitivo. Esse ano, ao lado de Button, tem evoluído seu lado cerebral nas corridas, sabendo a hora certa de andar rápido e de poupar (Spa, por exemplo: recebeu aviso de chuva em pouco tempo e encaixou uma sequência de 4 voltas mais rápidas seguidas, fora que nas que ele não aumentou seu tempo, estava aumetando o gap para os adversários na prova. Se não fosse esse feeling, poderia ter perdido a liderança com a escapada).
      Se não fosse esse RB6 tão forte, com certeza ele já teria mais do que 18 poles, porque tira voltas voadoras além do que o carro é capaz de dar.
      Anda demais na chuva e é sempre bom vê-lo pilotar, por constantemente ir em busca de mais. Se está atrás, tenta passar, se está na frente, tenta abrir.
      Por essas e por outras, digo de novo: ele pode sim se tornar o maior britânico da categoria.

      1. Belo comentário Allan.

        E, sem dúvidas, ele merece. A disputa com Webber deve tornar-se fantástica nas provas restantes. Vamos ver se algum outro piloto entrará na disputa, e se o equilibro de forças até Abdu Dhabi se manterá como Spa.

      1. Praticamente sim, mas ele vencendo 5 corridas por temporada, como média, nos próximos 3 anos bate esse recorde. O que estarão pensando Mansell e Damon agora?

        “Tomara que ele consiga nos superar” ou
        “Não, ainda queremos ser os melhores ingleses da F1”

    2. O Hamilton tem um enorme talento, é inegável. Esse ano aposto nele e estou torcendo por ele. Os recordes dos pilotos ingleses ele baterá facilmente pois tem uns 10 anos para fazê-lo. A vida dele na F1 vai ser de longa data.

    3. Boa noite amigos.

      É verdade, que se Hamilton continuar com esta garra, vai ser o melhor piloto Inglês vai conseguir outros recordes. Ele ainda é muito jovem ainda tem por aí mais 15 anos de Formula 1.

    4. Vai demorar um pouco, mas não duvido de mais nada vindo desse inglês. Melhorou e muito nos ultimos anos, e deixou de ser aquele piloto que errava e se desconcentrava facilmente. A velocidade permanece a mesma, e com um carro desses ele vai longe.

    5. Na minha opinião, Hamilton é o melhor de todos os pilotos ingleses que já correram de F1, pois reúne em um só piloto características brilhantes mas pontuais em outros pilotos: Arrojo, velocidade pura, instinto animal de Nigel Mansell, frieza de Graham Hill, absoluto controle do carro de Stirling Moss e às vezes sorte de James Hunt. esses recordes ingleses cairão facilmente…!

    6. Hamilton não corre para ser o melhor inglês e sim o melhor do mundo de todos os tempos.
      Gênio ele já provou que é.

    7. Ele vai longe é ambicioso e muito talentoso, vai passar fácil os grandes do passado G.Hill/D.Hill e Mansell! Não vejo Hamilton sair da F1 com menos de 4 títulos, umas 45 vitórias, 45 poles, 35 M.Voltas, 110 pódios, é daí para mais! Em 2010 já vai para a 4 anos de F1, deve ficar mais umas 11 temporadas, no total de 15(mais que isso seguidamente o piloto dificilmente aguenta, piloto de ponta é muito mais cobrado, o desgaste físico e mental é muito maior, os grandes pilotos dos anos 80 não chegaram a 14 temporadas).

      Hamilton pode ser várias vezes campeão, mas muitos vão cobrar por ele ter começado em equipe de ponta, vai ter que mostrar algo mais que velocidade, constância e poucos erros! Alonso e Vettel por exemplo começaram por baixo nos primeiros anos, mas Hamilton é um ótimo piloto e vai escrever seu nome na história, quando a equipe estiver em baixa por um período de uns 3 anos Hamilton pode permanecer na mesma equipe e mostrar que pode desenvolver equipamento e trazer a equipe de volta as vitórias e títulos, se mudar para outra equipe(que esta vencendo tudo) é porque só quer correr com carro vencedor, aí é fácil, todos querem isso! O duro é fazer a equipe em fase baixa chegar ao pódio, vitórias e títulos…raro foram os pilotos que conseguiram isso em 60 anos de F1.

      1. –>
        O duro é fazer a equipe em fase baixa chegar ao pódio, vitórias e títulos…raro foram os pilotos que conseguiram isso em 60 anos de F1.
        –>

        Bom, em 2009 o Hamilton já fez isso. Então ele não tem qu eprovar mais nada. Aliás, quem nasce com o DOM não precisa provar nada a ninguém. E basta assistir às corridas dele na F3 Euroséries e na GP2 para saber que Hamilton não é dotado de talento, pura e simplesmente. Ele tem o DOM da velocidade e da competição.

        1. Djow, o que Mac quer dizer é um trabalho de anos, que leva empenho e temporadas diferentes.
          Hamilton levantou a equipe, sim, mas foi em menos de uma metade da temporada!

          Lewis terá que passar por uma fase difícil de no mínimo 2 temporadas para levantar algo, é bom que seja dito isto.
          Schumacher levou 5 anos para levantar a Ferrari, Alonso levantou a Renault em 3, e deve ter mais casos.

          Lewis é um piloto fenomenal, mas ainda não é aquele acertador de carros ou levantador de equipes.

        2. Então, seguindo essa linha de raciocínio. Um tanto quanto “nada a ver”, Senna não é nada pois ele não levantou equipe alguma. Fangio, Hill (pai) e Moss também são pilotinhos.

          Sabe o que acontece? Vocês ficam aí sentados, inventando “regras” para que, no mundinho pokemon em que vivem, aceitarem o Hamilton. Mas para não dar na cara, sempre terminam os seus posts com frases de efeito do estilo: Lewis é um piloto fenomenal.

          Com base em que? Que tipo de conhecimento você tem? Qual é a sua fonte de informação do mundo da F1 para dizer que Hamilton não é um acertador de carros?

        3. Bom. Com base no profundo conhecimento de vocês, Alonso então não é lá essas coisas, certo? Afinal de contas ele não conseguiu levantar a Renault em 2008 e 2009. Ou seja em duas temporadas.

          Ah tá. Esqueci do detalhe. Vs. Sras. determinaram que tem que ser no mínimo em 3 temporadas, podendo chegar a 5.

          Fala sério rapaz. Se Hamilton tivesse que provar alguma coisa ele não teria o salário que tem e não estaria na equipe que está. E muito menos teria os títulos mais importantes do automobilismo mundial como os tem.

        4. Realmente djow, não dá para conversar no blog com você.

          Você praticamente foi expulso do F1 Around desde o dia que disse que o Massa teria que ter morrido no acidente com a mola.

          Esperava você aqui acrescentando algo e mostrando ser tão esperto e sabido quanto se diz, mas me enganei.

          Um abraço desde o Mundinho Pokemon.

      2. –>
        Alonso e Vettel por exemplo começaram por baixo nos primeiros anos
        –>

        E hoje estão perdendo para o Hamilton. Ou seja. Começar de cima ou de baixo quer dizer exatamente NADA. O que conta é o que se faz quando se tem um bom equipamento nas mãos.

        1. Djow

          Vc foi duro e sarcástico, mas por outro lado, falou a mais pura verdade, não inventou nada, foi firme, lúcido e direto ao ponto, sem rodeios e historinhas.
          Para esse povo, Hamilton pode ganhar 60 corridas, 60 poles, 2000 pontos e mesmo assim não será um piloto completo, tudo por que já iniciou na Mclaren, não teve uma carriola na mão por no mínimos 3 anos e segundo eles nao é um acertador de carros.
          Dizer que Hamilton não sabe acertar um carro é facil, provar isso, pelo jeito, ficou bem difícil….

          Abraço

        2. Dorfão, quando o Lewis atingir esses números, obviamente será um piloto completo.

          Eu digo que ele não é AINDA, porque nunca vi um piloto com 65 GPs ser suficiente experiente para ser acertador de carros e ser completo! E isso entra para qualquer piloto!

          Sem mais, você e o djow tem razão, ele só não precisava ser tão duro em sua explicação e chamar os outros de burros apenas porque não concordam com o que ele diz.

          Abs.

    8. TEm tempo e tem tudo para ser. Esta evoluindo cada vez mais na Fórmula 1 e espero que ele possa conquistar mais titulos. Não sou torcedor, mas admiro o Hamilton cada vez mais que o vejo pilotando.

    9. Hamilton foi ultrapassado 4 vezes nessa temporada e em todas elas, sem exceção, ele recuperou a posição em menos de 1 volta.

    Deixe um comentário

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google

    Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    Conectando a %s