100 pontos em jogo para determinar o campeão de 2010!

Depois das duas vitórias acachapantes de Alonso nas últimas duas corridas da temporada, a Ferrari e o asturiano parecem vir como um foguete para levar o título deste ano. Neste dois GPs, em Monza  Cingapura, ninguém foi melhor que ele em treinos oficias e corridas. Uma arrancada que não se via desde… Kimi em 2007.

Exatamente. Provavelmente Fernando está levando em consideração o incrível ano e título de Raikkonen em 2007, quando este vinha realmente apagado a supremacia do próprio Alonso e Lewis, e “de repente” iniciou uma sequencia de ótimos resultados que culminaram em 6 vitórias no ano e o caneco.

Tarefa fácil, ou não, a verdade é que se o histórico era favorável à Ferrari em Cingapura, como este blogueiro afirmou dias atrás (porém poucos aceditaram e afirmaram como certo o domínio da Red Bull), em 3 dos 4 circuitos restantes (Coréia ainda não sediou nenhuma corrida) a equipe de Vettel e Webber venceu ano passado.

No Japão (Suzuka, 2009), Vettel fez a Pole e venceu, enquanto Webber, que bateu na sexta e largou último, foi o autor da volta mais rápida.

No Brasil (Interlagos, 2009), Webber foi 2º no grid e venceu, além de mais uma vez marca a melhor volta. Nas três ediçoes anteriores, a Ferrari venceu, duas vezes com Felipe e uma com Kimi.

Finalmente, em Abu Dhabi que apenas sediu o GP do ano passado, A Red Bull foi inferior à McLaren de Lewis no sábado, mas emplacou uma dobradinha com Vettel na frente.

Coincidência? Talvez, mas é certo que a equipe de Milton Keyes será adversário difícilissimo nesta reta final, tanto para Ferrari quanto McLaren.

Como explicar a arrancada da equipe de Maranello e a queda do time de Woking?

Isso até que não é algo que seja difícil de se desnevndar. A McLaren, em um modo de dizer, se perdeu nas atualizaçoes já desde a metade do campeonato, tanto com o duto e mudanças no pacote para adaptarse as ondulaçoes de Marina Bay. Pareciam ter encontrado a resposta do enigma experimentando a velha asa da Turquia em Lewis em Spa, que surgiu grande efeito dando a vitória ao inglês.

Porém, nas últimas etapas, Hamilton errou ao bater com Massa em Monza e agora ao tentar ultrapassar Webber em Cingapura, jogando pontos fora e que interfewrem na disputa pelo seu bicampeonato. Button, por outro lado, com um perfil mais sereno e sem arriscar tanto, se encontra a 4 pontos do colega de equipe.

A Ferrari, em seu ponto de arrancada, parece ter acertado carro perfeitamente, sabendo utilizar-se do duto quando necessário e quando não, como por exemplo neste caso em Marina Bay. Alonso está menos errático e voltando a forma dos anos do bicampeonato, trazendo Poles, Vitórias, Voltas mais rápidas, Hat tricks e Grand Chelem para a Scuderia, e se aproximando na tabela (era 5º, distante, agora é 2º a 11 pontos de Webber).

Portanto, se por um lado os circuitos são favoráveis para a Red Bull, Ferrari e McLaren conam com dois pilotos excepcionais que podem tirar mais do que o carro pode dar. Para Hamilton, no caso, será necessário pensar mais nos números e ser menos abofado, para seguir vivo na disputa.

Agora, são 100 pontos em jogo, e apenas um título para 5 pilotos. Em quem você aposta?

24 respostas para “100 pontos em jogo para determinar o campeão de 2010!”

  1. Difícil apostar em algum deles. Como disse na matéria anterior, as coisas têm mudado muito de uma corrida para outra. No momento, Alonso é melhor, mas na próxima etapa, pode alterar a situação.

    No momento, aposto em Alonso entre os pilotos, e Red Bull, entre as escuderias.

  2. Caro Tomás,
    Aposto no Hamilton.
    Aliás, a disputa está entre ele, o Alonso e o Webber. O resto são dois figurantes – um muitíssimo bom e o outro muitíssimo ruim. Nomeie os bois se puder.
    Abs.

  3. Hamilton é ousado de mais. Button é sereno demais. Se desse pra os dois em um só a McLaren era imbatível!rs

    Ainda acho que Webber está em um grand emomento, vai ser Dificil Alonso passar, mas como GB encheu o saco hoje, Alonso é alonso. 😛

  4. Saudações, Tómas!

    Na minha opinião seu blog é um dos melhores, meu jovem! Meus parabéns, sei como é difícil manter um blog atualizado…

    Quanto ao post, os cinco pilotos estão com condições totais de título, mas ainda vejo um favoritismo da Red Bull com Webber. A McLaren passa a ser uma icógnita e Alonso terá que lidar com o revezamento de seus motores.

    Abraço!

  5. Tomás, discordo de vc, o domínio da Ferrari aconteceu durante a prova somente. Até o Q2 só deu Red Bull no fim de semana. Com não errando no Q3 e marcando a pole com certeza a história seria outra. No Japão, a Red Bull é favorita.

    A Ferrari está despejando dinheiro em tudo que possa gerar uma melhora, e estão acertando a mão. A McLaren foi prejudicada pelos abandonos nas últimas provas (Hamilton Hungria, Itália e hoje e Button na Bélgica). Não é que ficou tanto assim para trás, mas seus pilotos tiveram problemas para completar as provas, assim como aconteceu com a Red Bull no começo do ano.

    1. a melhor aposta renan é dizer que a redbull até agora seria favorita no japão.
      pode ter certeza que não é mais.
      Nas últimas cinco etapas, Alemanha, Hungria, Bélgica, Itália e Cingapura, ou seja, desde que a Ferrari passou a usar uma versão bem mais eficiente do F10, Alonso venceu três, Hockenheim, Monza e Marina Bay, e terminou em segundo em Budapeste. Bastou dispor de um monoposto capaz de lhe permitir lutar pelo primeiro lugar para Alonso começar a ganhar quase tudo.
      Ganhou força mental, moral e deixando os meninos de autorama um pouco desconcentrados.

      Eu até gostaria de ver o hamilton ou o button em primeiro no japão, quem sabe se chover né?
      daí um nome diferente em segundo, alonso em terceiro e vettel e weber lá pra quinto, sexto, oitavo lugar.
      O lwis ficaria empolgadinho, diminuiria diferença, ficaria com obrigação de querer vencer nas outras tres corridas e aumentaria chance de errar de novo.
      alonso provavelmente ficaria líder e vettel, weber ficaria em terceiro.
      daí faltando tres provas (isso se a coréia aprontar tudo em tempo)

    2. Renan do Couto

      Então dá razão àqueles que apontam o Alonso como o melhor piloto, se não tem o melhor carro e ainda assim ganha corrida, faz Pole e lidera de ponta a ponta..Grande Chelem ,como diz o Tomás…

      E outra coisa acha que o Budget da McLaren é menor que o da Ferrari? Olha que não, olha que não..

      Abraço

      1. Wilson, a Ferrari está levando uma atualização especial para cada corrida. Está fazendo de tudo para levar esse ano. O carro da Red Bull vai se adaptar muito bem à pista de Suzuka, resta saber se a Ferrari vai acertar a mão no pacote feito para o GP do Japão. A arrancada dos italianos pode ser sensacional.

        Senna, Alonso foi genial. Até já escrevi isso antes aqui e no meu blog. Não sou torcedor do Alonso, torço para outros pilotos, mas sei reconhecer quando um piloto anda bem assim e gosto de ver, é o esporte, é o show. E não é que o orçamento seja maior ou menor, mas a McLaren já tem até uma equipe trabalhando no carro de 2011, e a Ferrari está (como disse acima) levando algo feito para cada GP, por isso a melhora de desempenho. Com certeza está custando muito caro isso para os italianos.

  6. A Ferrari já vinha melhorando há um bom tempo, enquanto a Red Bull e a McLaren dormiam no ponto. E para desespero da concorrencia o novo difusor funciona perfeitamente integrado com a saida do escape e com a caixa de cambio, e com o perfeito dominio do F-duct parece que já não existe mais essa de oscilar o desempenho conforme a caracteristica da pista. Somando com o talento do Asturiano, que é tão grande quanto seu mau-carater, é o favorito junto com o Webber ao título.

  7. A RBR perdeu o favoritismo, seria por causa dos testes da “asa” e assoalho? Quem esta dominando agora é a Ferrari, Alonso esta impecável em pista de alta e média (Monza e Cingapura) fez pole, vitória e melhor volta, não tem mais pista de alta, mas tem carro para brigar por vitórias nas 4 corridas finais, vai ser complicado segurar o espanhol! É um conjunto de fatores, desde a ALE a Ferrari se foca em apenas um piloto isso também ajuda muito, mas também um grande piloto motiva muito a equipe, além disso, a Ferrari acertou nas ultimas atualizações! Se for contar, nas últimas 3 corridas somente Alonso tem feito médias de pódio(50 pontos, média de 16.6) isso é muito relevante, e o melhor esta em alta ganhando tudo! Webber faz corridas inteligentes e é constante na pontuação, o problema é que Alonso é mais piloto, Webber vai ter que chegar a frente do espanhol em algumas corridas, tarefa bem complicada! São 100 pontos, mas com Webber e Alonso chegando sempre no pódio é complicado para os outros diminuir a vantagem, olha o caso do Vettel ele chegou em segundo, mas só conseguiu diminuir 3 pontos para Webber, muito pouco! O caso da Mclaren é pior, parece que não tem um grande carro, Lewis esta sob pressão pelos abandonos e Button tem menos pontos. Lembrando que a Ferrari tem ainda um “coringa” que é o Massa, se Alonso for campeão ninguém pode falar nada, isso vai indicar que a Ferrari estava certa em fazer o jogo de equipe na ALE. Acho que só Vettel tem melhor chance de se aproximar dos ponteiros, mas acredito que o título vai ser decidido entre Alonso e Webber! Repararam que Webber só se preocupou com Hamilton na corrida? E ele estava a frente do mesmo até o acidente, deu sorte do carro não quebrar no toque com Lewis, foi cerebral e arrojado fazendo ultrapassagens. A meta de Webber agora é focar em Alonso no Japão, Vettel e Hamilton ficam para o GP da Coréia! Já Alonso só pensar em chegar a frente de Webber, no momento Alonso é o grande favorito ao título, esta pilotando muito!

  8. A corrida de hoje foi muito interessante. É bonito ver as cores do carros na luz artificial de Cingapura.
    Alonso foi perfeito, Massa foi preguiçoso (pra ser complacente), Rubens mandou bem, Vettel só perdeu pra quem foi o melhor, Webber fez o que pode, Hamilton foi muito burro como em outras vezes, Button burocrático como sempre e Michael o cafajeste de turno ao tirar o Heidfeld por pura vingança.

  9. A McLaren realmente caiu? vejam no meu blog um post sobre o tema.

    Foram 4 abandonos nas 4 últimas provas que poderiam dar à McLaren uma posição melhor no campeonato.

    1. Em termos de desempenho acho que ficou sim para trás, é o talento dos pilotos que ainda mantem as chances no campeonato!

      1. Nas últimas quatro provas um carro abandonou, e em três por acidentes, por isso perdeu terreno.Os pontos que conquistaria seriam suficientes para lhe dar uma posição melhor no campeonato.

        A Red Bull passou pela mesma coisa no começo do ano. Quem gosta de ver tudo isso é a Ferrari, que aproveita e dá o pulo do gato.

      2. Eu dei uma olhada no seu artigo, tem razão, sem esses abandonos eles estariam com certeza bem melhores. Eu só acho que a partir de agora eles vão ter grandes problemas, pois todos dizem que as próximas corridas devem favorecer as Red Bulls, o que por enquanto, me parece um engano, pois a Ferrari conseguiu um carro rápido para qualquer pista. E também acho um grande erro descartar as McLarens, pois eles tem um poder de reação muito grande.

    1. tirando minhas idiossincracias e torcida pelo astuciano, mas é isso que sempre falei aqui e em outros blogs o ano todo:
      f1 é coisa pra gente grande (grande de raciocinio, de decisão, de deliberação, de egocentrismo, de motivação, determinação) e não pra meninos deslumbrados, tipo piloto de autorama, playstation e simulador.

      Eu também acho o lewis um grande talento, mas um talento a ser trabalhado. Ele é audacioso, só demais. Em momentos cruciais nos ultimos três anos ele vem evidenciando isso. Ele não tem essa coisa de desenvolvimento, de agrupar a equipe a ele para mudar as coisas, vide ano passado. A equipe só foi deslanchar no segundo semestre.
      A equipe trabalha por ele com certeza, mas ele não determina as coisas.
      Ontem por ex. o webber mudou a tatica da corrida, aproveitou o safety car na pista e parou para trocar pneus. O que vimos? button e lewis andando em voltas com mais de um segundo de diferença de seu tempo e acumulou diferença significativa pra voltar na frente do lewis.
      Está faltando estrategista nas equipes. A redbul também poderia ter tirado vantagem parando o vettel antes ou depois do alonso já que ele estava rápido.
      Na mclaren poderiam ter visto que lewis e button estavam perdendo terreno e que o webber tinha parado (antecipado sua troca)

      A brawn (mercedes agora) esse ano não é sombra do que foi ano passado e o rosberg é aquilo mesmo, mas vem dando um banho em termos de consistência e pontos no schumi.
      O brawn é excelente estrategista, mas seu carro é ruim esse ano a ponto de não conseguir fazer diferença. Mas esperem ano que vem, não digo que ganhará o campeonato mas ficaremos observando o schumi, talvez o rosberg disputando o título.
      Pô. falta soh acertar chassis, motor os caras tem, é o time oficial de fábrica da mercedes, que o pessoal acha o melhor momento atualmente.

  10. Minha resposta segue aqui pelas palavras do:

    James Allen

    Fernando Alonso took pole position under the lights for tomorrow’s Singapore night race in a thrilling battle with Red Bull’s Sebastian Vettel. The pair traded fastest sector times in the final runs, but Vettel brushed the wall, handing Alonso pole by a tenth of a second. It was his 20th career pole and the second in a row this season. Lewis Hamilton was third for 4/10ths ahead of McLaren ahead of team mate Jenson Button and Red Bull’s Mark Webber.

    The session had started with a scare for Ferrari – Felipe Massa stopped out on the track during Q1, before he had even set a time. He reported a suspected engine failure. This would appear to be an unlucky engine for Massa – the one that he used in the German Grand Prix, where he was forced to hand the win to his team mate. In fact it turned out not to be the engine, but the gearbox.
    In the second session, Alonso radioed in that his engine didn’t feel right and asked the team to check the data being transmitted from his car. He was on a hot lap when they radioed him back to tell him to pit so they could reprogramme his car. He pointed out calmly that as he was nearly at the end of a good lap he should finish it first then pit. The team agreed with him.
    This was an example of a driver leading a team, precisely the kind of thing Ferrari hired him for.

    A tradução do último parágrafo e a última frase que é o que interessa, pus tudo para poderem ter informações do Massa também.
    Na Segunda sessão, Alonso comunicou à equipa que não sentia bem o seu motor e pediu-lhes para checar os dados transmitidos pelo seu carro.Ele estava numa volta rápida quando lhe disseram para entrar no Pit-Box para lhe reprogramarem o carro.Ele fez-lhes ver com calma que estava quase no fim de uma boa volta e portanto deveria acabá-la e depois pararia.A equipe concordou com ele.
    ESTE É UM DOS EXEMPLOS DE COMO UM PILOTO LIDERA A SUA EQUIPE, PRECISAMENTE UMA DAS RAZÕES PELA QUAL A FERRARI O CONTRATOU.

    Abraços

  11. Vejo a Ferrari com um carro equilibrado para qualquer pista e um piloto excepcional, enquanto a Red Buill tem um carro excepcional e um piloto equilibrado.
    Mesmo assim, não dá pra descartar a McLaren, que parece meio perdida com o difusor e as asas – que continuam fletindo -, mas pode acertar a mão – eles têm um grande update para o Japão.
    O Vettel, mesmo com suas Vetteladas, está perto da briga, o que mostra o quão bom é o carro. Se ele ganhar no Japão, o que é perfeitamente cabível, estaremos aqui falando em uma briga entre 3…

  12. 100 pontos…
    E pensar que o Galvão Bueno praticamente tinha tirado o “ALONSO das astúrias” da briga, hahaha…

    MAS eu SEMPRE dizia aqui em casa: É mais fácil o Paulo Maluf ser preso do que o ALONSO sair da briga pelo título.
    O cara piloto muito.

    Esse campeonato de 2010 está equilibradíssimo… Só ficaremos sabendo do campeão dia 14 – NOVEMBRO, no GP de Abu Dhabi. Assim espero.

  13. Já que estamos falando sobre pontuação, gostaria de comentar um fato que me intriga bastante >>> A nova pontuação.

    Atualmente, temos:

    1º WEBBER – 202
    2º ALONSO – 191
    3º HAMILTON – 182
    4º VETTEL – 181
    5º BUTTON – 177
    6º MASSA – 128

    Na pontuação antiga, teríamos:

    1º WEBBER – 80
    2º ALONSO – 77
    3º HAMILTON – 75
    4º VETTEL – 74
    5º BUTTON – 72
    6º MASSA – 51

    Por que será que a “dona FIA” fez a tal mudança, hein?!

    Não consigo ver DIFERENÇA.

    1. Massa se deu melhor com a nova pontuação. Porque? Simples.

      Alonso na nova tem 191 contra 128 de Felipe. 191-128= 63.
      Felipe, para passar Alonso em três corridas sem que o colega pontue, precisa de duas vitórias (25+25=50) mais uma 3º lugar (15), 50+15= 65, o que já lhe sobrariam dois.

      No antigo, Alonso teria 77 contra 51 de Felipe. 77-51= 26.
      Felipe, para passar Alonso em três corridas sem que o colega pontue, precisaria de duas vitórias (10+10=20) mais um terceiro lugar (6). 20+6= 26. Ou seja, empataria.

      Conclusão: com a nova pontuação Massa tem dois pontinhos de vantagem.

      1. Que há diferença, sim, lógico, mas não AQUELA diferença que queriam… É disso que estou falando.
        A FIA queria uma nova pontuação para equilibrar mais o campeonato, mas não é isso que acontece, exceto pequenas variações, como a do MASSA, por exemplo.

        Att.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s