O empenho da Renault em trazer Kimi de volta à F1

As possibilidades do acordo entre Kimi Raikkonen e Renault para a temporada do ano que vem já são mais do que boatos, e o que burbulha pelo paddock a esta altura da Silly Season é que o negócio pode realmente vir a ocorrer. Algo que certamente marcaria a volta de um dos pilotos mais velozes e talentosos desta década de F1.

Considerando o cookpit de Petrov o mais importante para 2011 (há boatos da saída de Massa da Ferrari, com uma possível troca entre ele e Sutil na Force India), é certo que o time francês quer ter um campeão no time para liderá-lo.

Apesar de que Kimi não demonstrou muito interesse pela F1 em 2009, mostrando-se apático e empenhado a sair para correr nos Ralis, parece que a saudade tomou conta do finlandês e este quer voltar, de repente pelo seu “fracasso” em uma categoria totalmente diferente da Formula 1.

As opções da sua volta são variadas (muitos times na atualidade gostariam de tê-lo como piloto), mas a Renault parece ser o cookpit mais confiável e promissor, sendo que não teria tanta pressão, apesar de que os holofotes estariam em sua figura, como ocorreu com Schummy este ano. Algo normal e que ele deve estar prevendo desde agora.

Negócios na Renault

Eric Boullier, o chefe de equipe da Renault, sem dúvida está totalmente empenhado em trazê-lo de volta. Mas o “blá,blá,blá” de sempre está, claro:

Kimi tem estado em contato conosco, mas ainda não estamos em discussão. Pode ser uma opção se decidirmos não manter Vitaly. O certo é que, se decidirmos voltar a conversar com Raikkonen, quero encontrá-lo para avaliar qual é a verdadeira motivação para o seu retorno.

Se formos falar em motivação, claramente esta deva ser diferente da que o passado ano. Kimi deve estar sentindo como que ainda seu ciclo na F1 não acabou e que precisa voltar para mostrar que ainda está em forma e vencer (Kimi tem 18 vitórias na carreira) para não ser ultrapassado por outros rivais.

A Renault, que não é boba, obviamente está interessada na imagem que Raikkonen dará no paddock, e que precisará projetar um carro á altura para não decepcionar seus seguidores e o próprio piloto. Certamente, Kimi planeja um retorno competitivo, com adaptação rápida e eficiente para dar frente aos principais do momento.

Como ficariam Kubica e Petrov?

Não é preciso dizer que o polonês já tem contrato renovado com o time para 2011. Kubica é um dos maiores talentos recentes da F1 e a Renault não irá jogá-lo fora em benefício de outra equipe. Mas se quiser contratar Raikkonen, saberá que a liberdade de Robert não será tão grande como a deste ano com Petrov.

O russo, por sua vez, já chega a irritar Boullier. Erros e batidas constantes, a corda está a ponto de arrebentar para seu lado e a sua saída da F1 mais próxima:

Ainda é frustrante, porque ele continua cometendo erros. Colocamos muita pressão em cima dele, e definitivamente ele não encontrou o ritmo na sexta, mas o fez no sábado. Ele se classificou em 13º com a batida no Q2, então é uma situação estranha.

Se Robert está lutando agora pela quinta posição, e Petrov pode terminar em sétimo ou oitavo, então isso é bom. Isso é o que nós esperamos de um piloto jovem. E isso significa que ele está aprendendo. Se ele já estiver no limite, então é outra questão.- Eric Boullier.

Com isso concluímos que a equipe não está interessada em um piloto fraco, e o dinheiro agora já não é o maior interesse. Obviamente que no termo de finanças (Petrov paga para correr, enquanto Kimi deve cobrar uma grande e boa quantia) convém ficar com Vitaly. Outro fator interessante é a pressão de Ecclestone pela permanência do russo como sustentação para um futuro GP na Rússia (algo parecido com a situação de Chandhok, que é uma boa propaganda para o GP da Índia, já no clanedário de 2011).

Por essas e outras, parece que Kimi está empenhado a voltar e a Renault mais ainda em confimar seu retorno. No momento, apenas palavras, mas vocês acreditam na volta de Kimi à F1 pela Renault ano que vem?

Expresse-se na seção de comentários.

10 comentários em “O empenho da Renault em trazer Kimi de volta à F1

  1. será que gosta de sarna pra se coçar? se ele gosta, voltar é um prato cheio.
    Se ele gosta de se divertir, ganhar dinheiro, capotar seu carro, tomas umas vodkas sem ser importunado, voltar vai totalmente contra sua escolha ano passado.

    Mas vai que correr na f1 tá na veia e tá sentindo falta desse mundinhu ne´?
    se for seja bem vindo de novo.

  2. Pra correr ao lado de um grande piloto então que seja em equipe que esteja em alta como RBR, Ferrari e Mclaren! Na Renault ia correr com Kubica que é outra fera, só que não tem garantias que vai brigar por títulos, o carro ainda é lento, só se der muita sorte em 2011 dos pneus Pirelli se adaptar como uma “luva” no carro. A Renault esta indo bem porque a equipe esta focada em apenas um piloto, vai levar tempo para deixar esse Renault “afiada”. Kimi também saiu da F1 por causa da “falsidade” das pessoas e dos vários compromissos chatos! Quando Kimi era avisado que ia ter que ir a eventos como desfiles, Kimi ia logo avisando:

    “Só vou se for para ser jurado, nada de eu desfilar como moldelo em passarela”

    Esse Kimi é uma comédia, faz muita falta piloto como ele na F1(todo mundo diz que ele é diferente), nas entrevistas era outro show. Os jornalistas faziam perguntas longas e complexas e Kimi geralmente falava um sim ou um não: Acabou a entrevista para frustração dos jornalistas…rsrs

    E pensar que Kimi recebeu convite da Mclaren para correr em 2010! O problema maior são os compromissos chatos, Kimi odeia essas coisa, acha que perde muito tempo com isso!

    “Kimi amanhã tem sessão de fotos às 7:00 para uma marca de relógios, tem que fazer cara alegre, OK”.

    Só faltava o finlandês virar “bicho”, nessa hora ele quer mesmo é dormir…

    • Eu não sei vocês, mas eu gosto muito do Cléber Machado para a F1. E outro, somente uns 10% pior, é o Luíz Roberto… Quando ele narrou o GP Canadá 2010, foi legal de se ouvir.

      O Galvão, na minha humilde opinião, já era!

  3. O cerco está se fechando para o Massa. Se ele pretende ser piloto prá ganhar campeonato, teria que ter tomado uma séria decisão, a um tempão já!! Se aRenault optar por Raikonen e Kubika…Massa dançou!!…

    • André/Pira…

      Se você é um fã do MASSA >>> Meus sinceros pêsames!

      O cara é muito ruim, NUNCA será campeão. Nem sei como ele consegue ter um “fã-clube”.

      A F1 do BRASIL acabou em 1991.

      • Sou fã de F1 e só!!…se fosse por Massa e Cia Ltda, já tinha deixado de acordar nas madrugadas a muuuuito tempo!!

  4. Se o RAIKKONEN for para a Renault, tomará pau do KUBICA. Será tipo MASSA X ALONSO.

    Cara… Esse PETROV é MUITO RUIM, aff! Nem parece que ele e o KUBICA têm o mesmo carro.
    Chega a dar revertério ver o PETROV correr, tem um aproveitamento SEIS vezes pior que o companheiro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: