Com poucas chances de título, McLaren já focaria em 2011?

O caminho da redenção pelo título de 2010 em Woking parece uma árdua missão a ser alcançada. Um objetivo que parecia totalmente viável antes de Monza se transformou em um caminho quase sem saída para Martin Withmarsh, e porque não o saudoso Ron Dennis.

Algo de errado ocorreu depois de Spa, mas pelo visto os engenheiros ainda não tiveram o gosto de encontrar a solução exata e plausível.

  • O enigma chamado MP4-25

Se por um lado não há duvídas que o MP4-25 perdeu rendimento, por outro parece que as atualizações a cada corrida provocaram um “stop” no projeto e, mesmo testando novas asas, assoalho, difusor e etc, o “go” está longe de chegar, pelo menos por enquanto.

Faltam três corridas para o final do campeonato, onde 75 pontos estarão em jogo. Lewis se encontra há 28 do líder Webber, sendo que essa diferença só aumentou nas últimas corridas, principalmente devido as duas quebras seguidas e o fraco quinto lugar nas últimas 3 ocasiões. Os problemas com o câmbio parecem correr atrás de Hamilton, mas não é de hoje que o carro é a principal forma de um piloto vencer. E o transformado MP4-25 “B-C-D” não corresponde à altura. Faltaria uma adaptação? Obviamente. Mas não é a hora de esperar.

Mas, apesar dos problemas em torno do carro, Button elogiou o rendimento deste em Suzuka, mas é notória a falta de “rodagem” das novas peças:

Foi uma corrida dura. O carro estava bem e era rápido, mas não fomos o suficientemente rápidos para vencer Red Bull e possivelmente Ferrari. Não creio que poderia acabar em melhor posição. No fim das contas, estou no mesmo lugar no campeonato, 5º, que antes da corrida, então vemos que a situação está difícil.

Sobre o carro, nós colocamos muitas peças novas, mas enquanto umas funcionaram realmente bem, outras necessitam um pouco de trabalho. Mas esperamos tirar o máximo rendimento na próxima corrida, onde teremos o carro que esperávamos ter aqui.Button.

  • As chances matemáticas

Tanto Lewis quanto Jenson sabem que se não vencerem, no mínimo, uma corrida nestas três restantes, estarão fora da luta. E também é de conhecimento dos dois que mesmo vencendo em Yeongan, Interlagos e Yas Marina e na pior das hipóteses com Webber em 2º, estariam descontando 7 pontos em cada etapa, que x3 é 21. Ou seja, se este fosse o caso de Lewis, que está 28 atrás de Mark, continuaria com sete de desvatnagem. Em uma tradução mais liberal: Não dependem apenas dos próprios resultados para obter o título.

Para se ter uma ideia disto é só comparar com os outros três rivais diretos. Webber, Vettel e Alonso dependem única e exclusivamente de seus resultados para se sagrarem campeões. Para Mark, 2 vitórias são suficientes para levar o título, o que apesar de não ser nada fácil, é uma situação bem mais estável. Já para Vettel e Alonso, vencer as três restantes lhe daria a taça com 7 de vantagem se Webber fosse o segundo em todas. O que sem dúvida promete transformar esta final em um espetáculo.

A McLaren certamente quando vê suas chances matemáticas no papel deve não poder acreditar como está perdendo um campeonato que já esteve nas mãos de Lewis por várias corridas. Porém , não adianta chorar por pontos perdidos ou acidentes desnecessários. Será preciso vencer na Coréia para pensar em algo. Caso contrário, seria interessante focar em 2011.

  • Vista prévia para a temporada que vem

O foco na próxima temporada não deixa de ser uma alternativa mais do que óbvia se a vitória ou o pódio não vier em Yeongan. Começar a projetar o MP4-26 agora poderia ser um passo muito importante dado antes dos outros rivais diretos, que ainda estariam gastando e utilizando o tempo no carro do atual ano. Obviamente que começar antes não significa projetar um carro melhor, tanto que Red Bull foi uma das últimas equipes a mostrá-lo a público e o RB6 é um verdadeiro foguete em várias pistas, enquanto a Ferrari foi a primeira a mostrar seu carro e até agora isso não lhe assegurou o título.

Com os prós e contrás de abandonar ou não o desenvolvimento final do MP4-25, a McLaren ainda tem o peso na consciência de levar o triunfo final, até porque esse é o objetivo. Se não for o caso, seria uma grande derrota, mas como dito, poderia abrir as portas para 2011. Tudo depende de uma decisão, a ser tomada, ou não, em Yeogan…

15 comentários em “Com poucas chances de título, McLaren já focaria em 2011?

  1. e por falar em mclaren….

    Só mais uma farpa entre mclare e Redbull ou uma tática que poderia ter dado certo?
    Christian Horner acusou a Mclaren de usar Jenson Button como “uma cobaia de sacrifícios” no Grande Prêmio do Japão de Fórmula 1.
    A teoria de Christian Horner, chefe da Red Bull, era que a longa permanência de Button na pista com pneus duros, antes de sua parada visava em Button segurar o ritmo das redbull e alonso para Hamilton se aproximar, mas que deu errado pelo problema do lewis.
    Segundo ele … “Mas parece que Hamilton teve um problema e eles abortaram aquela estratégia para Jenson. Parece um pouco que ele (Button) era uma cobaia de sacrifícios, eu não sei, parecia estranho”, afirmou Horner.
    Martin Whitmarsh (da mclaren) confirmou que uma das intenções da estratégia de Button realmente era segurar as Red Bulls e Alonso para que Hamilton pudesse se aproximar.

    vamos o que acham mclarista, e não mclaristas

    • Que está fazendo Wilson?

      Não vê que assim ridiculariza quem anda defendendo -agora mudou para quando há hipótese matemática- que a única equipe que prioriza piloto é a Ferrari, o que mostra que se tem visto corrida de F1 há muito tempo, nunca se apercebeu do jogo de equipe, estaria muito atento só que o neurónio que tem não alcançou para ver e entender isso..o seu mundo maniqueísta de bons e maus, e de insistir negando a realidade, que os outros não fazem isso..

      Vai ver que quando diz que seu Nick é de um dos maiores nomes do automobilismo, piloto que nunca ganhou nem campeonato e isso já diz muito de alguém, e que foi o maior capacho da F1, e que ironia das ironias corria para a Ferrari, o recalcamento deve vir daí, quando foi bandeirado de preto por defender seu chefe-de-fila, um de Niki Lauda..vai ver é daí que vem toda essa raiva contra a Scuderia..porque de ser Brasileiro e Massa não deve ser embora diga que sim, porque seu nick o melhor que fez foi ficar segundo de um tal Emerson Fittipaldi.

      Até tenho alguma simpatia pelo Gianclaudio Regazzoni, porque depois de sofrer o acidente que o prostrou se dedicou a ajudar quem sofria da mesma maleita. Agora ninguém merece avatar bonito desse..

      • cê tá de palhaçada né?
        não defendi nada nem pra lá, nem pra cá.
        todos sabem que sou alonso desde os tempos dele de minardi e que sempre alfinetei o massa.

        Apenas repassei um texto que saiu num site conceituado mostrando a tatica da mclaren para o gp do japão e colhendo impressões do pessoal do blog.

        Se vocÊ não consegue entender essas coisas, desculpe mas você tem que dar uma reciclagem aí com seu tico e teco.

      • Wilson
        a piada era para o Casius Clay Regazzoni, que é isso cara? Nick.. Regazzoni..leu o texto todo?
        Tá-me estranhando, arremeter para cima dos meus????
        Até chamo o outro de piloto autorama por sua causa e uso a história do caipira galo bom galo maaaau..

        lê bem lê bem

    • Que mal há nisso, meu Deus?!

      Quer passar o Button?! Que ache um jeito!
      Ele não está fechando a porta; Fazendo manobras irregulares e etc., apenas quer entrar mais tarde nos boxes, e se, com este ato, está beneficiando a equipe, que bom que é de uma forma saudável, sem infringir as regras.

      Essa estratégia do Button foi ridícula, eu dizia isso desde a classificação, mas muita gente apostava para um bom resultado, visto que no treino, o pneu foi satisfatório, ou seja, Jenson Button apostou na estratégia, querendo dois possíveis resultados, talvez uma vitória e ajudar Lewis Hamilton, que viria a sofrer punição.

      Whitmarsh: “Se tivéssemos deixado ele fora da briga, já seria outra coisa. Não é dessa maneira que jogamos, talvez outros façam isto, mas não é nosso jeito de encarar o automobilismo”
      .
      .
      .
      Button-2: Passe-Me, Sr. Rápido! Não consegue?! Problema é seu! Irei entrar quando EU quiser!

      Horner-2: Mas é proibido entrar quando quer.

      Button-2: Chega! Chorôrô, não, por favor!

      RBR >>> FAIL!

      * Vamos, Marc Webber, não se junte com essa gentalha! Vamos enterrar a “mulekada” e acabar com esse campeonato, ‘tá’ com muito “chorôrô nada a ver” isso tudo. *

      • Rafael F1

        É verdade que não infringe regra criada ad hoc e estapafúrdia, mas fazer do Actual Campeão do Mundo com chances matemáticas de ser Campeão, de capacho e cão-de-fila (sempre dizem que o feitiço se vira contra o feiticeiro ele-o Button- dizia que o Hamilton era tipo pit-bull) de um piloto que nos momentos cruciais quebra – não sei se é do tempo em que o Ayrton Senna fazia campanha para os relógios Tag-Heuer e o mote era “Don´t Crash Under Pressure”- pois a este cara acontece sempre o mesmo quando a situação aperta o individuo se esborracha, é feito de madeira fraca, erra quando a situação é dura. E não é coincidência, nem vez sem exemplo, nos últimos quatro anos nos três que estava disputando o título fez burrada e mandou tudo para o escambal…E depois a McLaren não prioriza piloto, não não..o Coulthard tá aí falando e depois queriam que o Bi-Campeão trabalhasse para o piloto autorama agora é o ACTUAL CAMPEÃO DO MUNDO que eles convencem para fazer essa ridicularia, porque não fizeram ao contrário, Quem é o actual Campeão?

        Se a Ferrari pedisse ao Massa para fazer isso, bem, nem a eleição Presidencial se fazia, o País parava; e depois o Alonso é que não ia ser um Campeão limpo e não sei mais o quê..e que conste que na Alemanha o Alonso era 1,5 a 2,0 S mais rápido do que o Massa e ninguém pode garantir que não o passava ou o contrário ou que os dois não se pegavam..a Ferrari conhecendo o Felipe optou por aquilo. Não vi aqui ninguém fazendo escarcéu quando na Austrália o Alonso era mais rápido que o Felipe e ficou atrás dele defendendo a Ferrari do Hamilton, não o deixando passar.

        Com esta história se percebe algumas estratégias que a McLaren fazia o Button seguir, já para não falar da cobertura da refrigeração do motor, em MonteCarlo que a Super Avant-Garde estrutura da McLaren se esqueceu de retirar do Carro Nº 1,”Save Fuel Jenson” no início do Campeonato em Shanghai não foi? Só que claro como a Ferrari fez aquilo quando achou que o Massa já não podia lutar, para mim está claro que isso é ordem de equipe para não passar, ao fim e ao cabo ordem de equipe, o que é muito diferente é fazê-lo na 4ª ou na 10º corrida, diga você o que acha pior…

        Um Abraço

      • SennaCeccotto12

        Tudo bem, mas pela estratégia do Button, não o considero um capacho.

        O que você me diz sobre o GP da Hungria (2007), onde a McLaren fez o Alonso esperar nos boxes, e ele, por sua vez, esperou ainda mais?!
        (Se fosse o contrário, iriam dizer: “Olha, a McLaren está beneficiando o Inglês!”)

        * Tem hora que eu acho que falam muito sobre “jogo de equipe”, quando este nem ao menos existe. *
        (Sim, sim, eu sei, a F1 não é um mar de alegria e correção)

        Sobre o Button…
        Não acredito que aquilo tenha sido um “jogo”, erros também acontecem.
        Então, você deve achar que o erro no GP de Cingapura (Massa, 2008) foi um “jogo de equipe”. A Ferrari não queria ter ganhar o campeonato, seria chato!

        É, “SennaCeccotto12”, você pode ter razão no que diz, ninguém pode afirmar 100%…
        Mas olha, disseram a mesma coisa sobre “salvar combustível”, mas no caso, para o Webber. Apontam isso como: “Jogo de Equipe.”
        E os freios do Vettel?! Seria um “jogo” também?
        Percebe?! Eu vejo assim, tem coisas que acontecem… Nem tudo é “trama”.

        Não entendi muito bem a sua assertiva final, se puder colocar de uma forma mais clara…

        Abraço.

      • Rafael F1

        A assertiva final, a de que é muito pior ou quase criminoso, fazer jogo de equipe na 4ª corrida do que na 10ª, quando já se pode ver claramente se um piloto pode ou não discutir o título.

        Um Abração e essa do Massa em Singapure aí foi erro de equipe, como é óbvio, iam beneficiar quem? O piloto da outra equipe o autorama?

      • SennaCeccotto12

        Ah, sim, nessa eu concordo com você.

        Att.

  2. Não acredito em titulo da Mclaren, nem de Hamilton, ou de Button. Foca em 2011 e assim pode vir forte.

  3. Com a proibição dos testes ao longo da temporada, fica mais difícil para as equipes analisarem em pista as modificações nos carros. Sobram o túnel de vento, que ajudou a McLaren a melhorar significativamente ano passado.

    Neste ano, se não vencer na Coreia, o jeito é pensar na próximo temporada.

  4. As equipes todas já estão trabalhando nos carros de 2011. Umas mais, outras menos. A McLaren, em 2008, trabalhou muito focada no 23 até o fim do ano e o 24 nasceu mal daquele jeito que foi ano passado. Mas em 2007 ela também tinha trabalhado no 22 até o fim da temporada e o 23 nasceu muito bem, tanto que foi campeão de pilotos.
    Toda essa questão é muito relativa e as equipes de ponta tem pessoal capacitado para trabalhar nos dois carros em paralelo na segunda metade das temporadas.
    Esse ano a McLaren se perdeu em meio ao desenvolvimento, característica que sempre foi muito forte na equipe. Mas isso já aconteceu com outros times em outros momentos também.
    No fim das contas, corrida de carros é uma união de competência e sorte. Como torcedor confio na competência de Woking e tenho esperanças de que, assim como Lewis e Button levaram azares nesse ano, os mesmos possam recair sobre as outras equipes nessa reta final.

  5. Tem gente aqui que fala… fala…. fala… e, pela total falta de domínio de nosso vernáculo, não dá para entender nada do que diz. É um pobre analfabeto funcional.

    É tão ridículo, que ate mesmo gente que poderia concordar com suas loucuras, fica sem entender bulhufas.

    Eu, aqui, fico morrendo de rir…

  6. Whitmarsh: “Se tivéssemos deixado ele fora da briga, já seria outra coisa. Não é dessa maneira que jogamos, talvez outros façam isto, mas não é nosso jeito de encarar o automobilismo”

    Whitmarsh não é um dos capangas do R.Dennis? Que eu me lembre ele estava junto no caso da espionagem. Esse Whitmarsh é um fanfarrão.

    “Não é dessa maneira que jogamos, talvez outros façam isto, mas não é nosso jeito de encarar o automobilismo”

    Eu mereço, me ajuda aí Tomás…rs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: