Daniel Ricciardo lidera mais uma vez os testes para novatos

Daniel Ricciardo não deixou ninguém duvidar da supremacia do RB6 em Yas Marina. Como ontem, liderou as duas sessões e marcou, na última delas, o tempo imbatível de 1:38.102, 7 décimos mais rápido que o segundo colocado, Jérôme d’Ambrosio (1:38.802), que inclusive chegou a marcar as duas parciais mais rápidas mas rodou na 3ª, provocando bandeira vermelha.

Claro que comparar o tempo de Daniel hoje com o da Pole de Vettel domingo é irreal, pois as condições de pista apresentadas nestes testes para novatos são totalmente diferentes, com um amborrachamento muito maior, o que deixa a pista 1 segundo e meio mais rápida.

Sam Bird (Mercedes) foi o 3º melhor do dia nos combinados, com Gary Paffett e Jules Bianchi, McLaren e Ferrari, respectivamente, logo atrás. Luiz Razia não conseguiu passar da 10ª posição, mas anotou o melhor tempo entre as novatas.

Tempos manhã:

  1. Daniel Ricciardo (Red Bull) 1:39.548 (45 voltas)
  2. Jules Bianchi (Ferrari) 1:40.635 (62)
  3. Jérôme d’Ambrosio (Renault) 1:40.863 (27)
  4. Gary Paffett (McLaren) 1:40.879 (46)
  5. Paul di Resta (Force India) 1:40.901 (27)
  6. Jean-Eric Vergne (Toro Rosso) 1:40.974 (43)
  7. Sam Bird (Mercedes) 1:41.084 (47)
  8. Sergio Pérez (Sauber) 1:41.894 (38)
  9. Pastor Maldonado (Williams) 1:42.850 (46)
  10. Luiz Razia (Virgin) 1:43.950 (42)
  11. Rodolfo González (Lotus) 1:44.312 (41)
  12. Josef Král (Hispania) 1:44.752 (54)
  13. Yelmer Buurman (Force India) 1:45.090 (14)

Tempos tarde:

  1. Daniel Ricciardo (Red Bull) 1:38.102 (32 voltas)
  2. Jérôme d’Ambrosio (Renault) 1:38.802 (56)
  3. Sam Bird (Mercedes) 1:39.220 (35)
  4. Gary Paffett (McLaren) 1:39.760 (38)
  5. Jules Bianchi (Ferrari) 1:39.916 (31)
  6. Sergio Pérez (Sauber) 1:40.543 (53)
  7. Pastor Maldonado (Williams) 1:40.944 (35)
  8. Jean-Eric Vergne (Toro Rosso) 1:40.974 (18)
  9. Yelmer Buurman (Force India) 1:41.178 (53)
  10. Davide Valsecchi (Hispania) 1:43.013 (32)
  11. Luiz Razia (Virgin) 1:43.525 (28)
  12. Josef Král (Hispania) 1:44.143 (7)
  13. Vladimir Arabadzhiev (Lotus) 1:45.723 (49)

Tempos combinados:

  1. Daniel Ricciardo (Red Bull) 1:38.102 (77 voltas)
  2. Jérôme d’Ambrosio (Renault) 1:38.802 (83)
  3. Sam Bird (Mercedes) 1:39.220 (82)
  4. Gary Paffett (McLaren) 1:39.760 (84)
  5. Jules Bianchi (Ferrari) 1:39.916 (93)
  6. Sergio Pérez (Sauber) 1:40.543 (91)
  7. Paul di Resta (Force India) 1:40.901 (27)
  8. Pastor Maldonado (Williams) 1:40.944 (81)
  9. Jean-Eric Vergne (Toro Rosso) 1:40.974 (61)
  10. Yelmer Buurman (Force India) 1:41.178 (67)
  11. Davide Valsecchi (Hispania) 1:43.013 (32)
  12. Luiz Razia (Virgin) 1:43.525 (70)
  13. Rodolfo González (Lotus) 1:44.312 (61)
  14. Josef Král (Hispania) 1:44.143 (41)
  15. Vladimir Arabadzhiev (Lotus) 1:45.723 (49)

Tempos combinados de terça e quarta- final.

  1. Daniel Ricciardo (Red Bull) 1:38.102 (147 voltas)
  2. Jérôme d’Ambrosio (Renault) 1:38.802 (117)
  3. Sam Bird (Mercedes) 1:39.220 (148)
  4. Gary Paffett (McLaren) 1:39.760 (84)
  5. Jules Bianchi (Ferrari) 1:39.916 (152)
  6. Sergio Pérez (Sauber) 1:40.543 (91)
  7. Oliver Turvey (McLaren) 1:40.725 (74)*
  8. Paul di Resta (Force India) 1:40.901 (55)
  9. Pastor Maldonado (Williams) 1:40.944 (188)
  10. Jean-Eric Vergne (Toro Rosso) 1:40.974 (144)
  11. Yelmer Buurman (Force India) 1:41.178 (67)
  12. António Félix da Costa (Force India) 1:41.381 (77)*
  13. Esteban Gutiérrez (Sauber) 1:41.432 (65)*
  14. Dean Stoneman (Williams) 1:41.522 (62)*
  15. Mikhail Aleshin (Renault) 1:42.073 (58)*
  16. Davide Valsecchi (Hispania) 1:43.013 (32)
  17. Luiz Razia (Virgin) 1:43.525 (70)
  18. Josef Král (Hispania) 1:44.143 (41)
  19. Rodolfo González (Lotus) 1:44.312 (144)
  20. Vladimir Arabadzhiev (Lotus) 1:45.723 (49)
  21. Rio Haryanto (Virgin) 1:49.439 (21)*

* Participaram apenas do 1º dia de testes (terça) onde a pista estava quase 2 segundos mais lenta que hoje, e por isso registraram tempos tão altos.

Observando os tempos combinados dos dois dias, nota-se o domínio de Ricciardo, e a grata surpresa, Jérôme d’Ambrosio, como o 2º melhor dos 21 novatos em pista com seu R30.

Sam Bird, 3º no geral,  foi muito bem com a Mercedes, superando por meio segundo a McLaren do experiente Gary Paffett,que finalizou em quarto. Jules Bianchi, com a Ferrari, completou o TOP 5 2 décimos atrás de Gary.

Outra grande surpresa foi o mexicano Sergio Pérez, que será piloto titular da Sauber no próximo ano e marcou o 6º melhor tempo final, superando Williams, Force India e Toro Rosso.

Paul di Resta, como era de se esperar, foi quem marcou o melhor tempo da Force India, e agora está na espera de ser confirmado no time indiano para 2011.

Pastor Maldonado, outro que está a um passo da Williams na próxima temporada, marcou bons tempos e foi o piloto que mais rodou. Vamos ver se corresponde aos desejos de Sir Frank.

Jean-Eric Vergne foi o melhor piloto á bordo do STR5 e causou uma boa impressão na sua estreia.

A Hispania foi a mais rápida das novatas, sem lastro, enquanto a Lotus de Fernandes só logrou ser mais rápida que o garoto de 17 anos da Virgin, Rio Haryanto, que foi quase 4 segundos mais lento que o penúltimo colocado…

No que se diz aos pilotos, Davide Valsecchi impressionou ao ser o melhor dos piores, que com apenas 32 voltas colocou meio segundo ao tempo de Razia, outro que também foi bem com a Virgin.

No mais, esse testes serviram como preparação para muitos talentos do automobilismo atual que ainda não foram cogitados nas equipes de F1, como Ricciardo, Bird e Bianchi mas já, dois deles, serão pilotos de testes no ano que vem.

Uma boa experiência para Pérez, já piloto titular 2011, e para Maldonado e Di Resta, a um passo de o serem.

Info dos resultados de ontem e guia de pilotos, AQUI.

7 comentários em “Daniel Ricciardo lidera mais uma vez os testes para novatos

  1. Tomás, cabeças vão rolar na Ferrari, há boatos que que o comando pode ir na direção de Flavio Briatore, que o comando de Stefano Domenicali é frágil, extremamente frágil, isso está acontecendo desde a saída de Brawn e Todd da Ferrari.

    • Hum… De novo Briatore sendo ligado à Ferrari. Sinceramente, não acredito que este boato seja verdade. Apesar de Briatore ser um grande empresário e já ter sido campeão com Michael e Fernando, as possibilidades são pouquíssimas e o próprio já desmentiu a ideia no mês passado.

      De qualquer forma é natural que depois da derrota apareçam estes boatos, mas duvido que Domenicali veia a sair. No mais, creio que as cabeças que rolarão irão ser as de Chris Dyer, por exemplo.

  2. Como fazer para o carro da Hispania ser mais rápido: tira os lastros!
    Em treino oficial, não pode.
    Mas podem ter feito isso pro Maldonado ficar bem na fita.
    1segundo e meio mais rapido pq tem borracha no asfalto? No sabado tbem tinha, acumulada do treino de 6a feira.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: