FIA divulga lista provisória de pilotos e equipes para 2011

E saiu a primeira lista (provisória, é bom lembrar) da FIA, com os pilotos e equipes para a próxima temporada. E as mudanças, claro, são as principais novidades. Temos a incorporação da Marussia na Virgin e o desligamento da  BMW da Sauber para. Nos pilotos, supresa na Lotus, que confirma Kovalainen e Trulli como os pilotos em 2011.

No caso da Lotus em especial o caso é curioso, pois na lista figura como “Team Lotus”, justamente o nome da Lotus clássica e que Tony Fernandes está lutando nos tribunais para mantê-lo. Se o Team Lotus se confirmar, isso significará que a Renault não poderá vender a sua parte para a Lotus Cars (Proton), efetivando o nome Renault Lotus. Será que Tony venceu a guerra?

Nas 4 primeiras equipes, em relação aos pilotos, não há mudanças. Apenas a obervação de Button estar levando o número 3 e Lewis o 4, já que teria que ser o contrário pelo motivo de Hamilton ter finalizado o ano melhor que Jenson, e Schumacher o 7, enquanto Rosberg o 8, já que teria que ser invertido pelo mesmo motivo da McLaren. Na Red Bull e Ferrari, tudo conforme o previsto.

Na Renault Kubica aparece como primeiro piloto, com a segunda vaga a ser definida. Seria, em tese, o melhor cokpit disponível para 2011. Na Williams, Rubens está garantido e a segunda vaga está em branco, mas que deve ser confirmada no dia 4 com Maldonado.

Force India e Toro Rosso aparecem sem nenhum piloto confirmado, o que deixa claro que ainda há alguns contratos a serem revisados e assinados. Mas, no aspecto dos taurinos, a equipe já confirmou Sebastién e Jaime para 2011. Só falta aparecer na lista. No caso da Sauber, Kobayashi e Perez já estão confirmadíssimos.

Nas novatas, Lotus é a única que tem a dupla confirmada, segundo a lista. Isso significa que Bruno Senna não estará no time de Tony na próxima temporada.

E, finalmente, na Hipania e Virgin, tudo o que se pode afirmar são boatos. A equipe espanhola, na verdade, está na luta pela sobrevivência. Isso quer dizer que o assunto pilotos é depois de se confirmar se a Hispania estará ou não no grid.

Na Virgin, John Booth, comandante da equipe, já confirmou Timo Glock no início do mês. Não há dúvidas que o alemão permanece. As dúvidas ficam em relação aos segundo cokpit, onde Lucas di Grassi tem a preferência dos chefes mas não possui muito dinheiro.

Assim, o piloto que eu creio que ocupará a vaga é o russo Mikhail Aleshin, que, dizem, traz de 10 a 15 milhões de euros consigo. Giedo van der Garde é outro que nada cogitado.

Ou seja, restam 10 vagas disponíveis. Nelas, quais pilotos vocês colocariam? Fiquem à vontade na seção de comentários.

A lista:


    36 respostas para “FIA divulga lista provisória de pilotos e equipes para 2011”

    1. Poxa, o Bruno não conseguiu mesmo a sua vaga na Lotus. Espero que consiga algo em outra equipe, pois correr de Hispania melhor nem correr né? Aliás, que o Lucas também consiga correr, se bem que é dificil pro brasileiro, e ficou dificil pro Bruno também.

      1. O assunto também está difícil para Lucas. A equipe gosta dele, mas temos um tal russo chamado Mikhail Aleshin, que, dizem, traz de 10 a 15 milhões de euros no bolso e quer a vaga. Vamos ver.

    2. Para não ser hipócrita e não arriscar que serão os 10 pilotos a ocupar essas 10 vagas, mando minhas suposições. Depois no próximo ano vemos que acerta.

      Renault
      10. Vitaly Petrov

      Williams
      12. Pastor Maldonado

      Force India
      14. Adrian Sutil
      15. Paul di Resta

      Toro Rosso
      18. Sebastién Buemi
      19. Jaime Alguersuari

      Hispania

      22. Não faço ideia
      23. Não faço ideia

      Virgin
      24. Timo Glock
      25. Mikhail Aleshin

      1. Já nos adianta muitos fatores Luiz. E nos dá lugar para novas especulações.

        Mas adianto: No meu ver, são realmente 7 e não 10 vagas (Buemi, Alguersuari e Glock já estão confirmados pelas próprias equipes.)

    3. Concordo que é uma pena para Bruno e Lucas. A menos que eles arrumem bons patrocínios. Lucas deve oportunidade de mostrar serviço, Bruno, com o carro que tinha, nem isso…
      Agora sobre a disposição dos números nos carros dos pilotos, eu até estranho na McLaren o Jesson estar com o número menor que o Luisinho, mas Lewis é de boa, então é até compreensível! Mas na Mercedes, nenhum estranhamento com os números: Michael não abre mão de ter o número ímpar no carro de jeito nenhum, pior para Nico.
      Agora não entendo porque a Toro Rosso não confirmou Jaime, o garoto não teve uma boa estreia no ano passado, mas este ano compensou os maus resultados
      Agora, quanto as vagas que faltam, na Williams é fácil prever Pastor Maldonado, haja vista tanto dinheiro que vem chegando com ele. Na Force India acho que o Adrian fica, a outra vaga, não tenho ideia. Imagino que a Toro Rosso deva manter o Jaime, mas o Sebastién não teve um ano tão bom, por isso, não tenho certeza de sua confirmação. Já Virgin, concordo com Tomás que o Glock possa ficar. Mas já quanto a outra vaga na Virgin e as duas na Hispania, acho que quem tiver mais dinheiro leva!
      Vamos ver se ainda há esperança para os dois brasileiros que restam…
      Abraço para todos, boa semana!

      1. O caso da Williams é curioso. Ico (Luís Fernando Ramos) reportou em seu blog:

        “A Williams já agradeceu a Nico Hülkenberg num release e a confirmação de Pastor Maldonado é esperada a qualquer momento. Mas não há razão para ela não ter acontecido ainda se tudo estivesse acertado – o time nunca foi de perder muito tempo com suspense, que o digam campeões mundiais demitidos como Nigel Mansell e Damon Hill. Ou o dinheiro prometido pelo venezuelano não chegou, ou tem alguém com mais dinheiro por perto ou o time ainda está ganhando tempo para tentar arrumar mais patrocínio e manter Hülkenberg – que afinal ainda não assinou com ninguém -, empurrando Maldonado para correr na Hispânia.”

        1. Muito inteligente esse comentário. A Williams não é mesmo de fazer mistério. Será que o Tio Frank está com medo do Maldonado?
          Vamos ver quem vai ocupar o segundo cockipt da equipe, eu diria, mais tradicional da F1!
          Obrigada pela informação, Tomás!

        1. Por causa do Michael, o Bernie já mudou até o sistema de pontuação; a Mercedes mudou o estilo do carro, porque não vão mudar o resto também, rs?!
          Abraço para todos!

        2. Antes a FIA queria acabar com a massacre de Schumacher. Tentou em 2003, 2004, e só veio a dar certo em 2005.

          Agora parece o contrário.

      1. Não mudará muito não Lucas, permita-me discordar.

        No ano passado, a lista foi dada no mesmíssimo 30 de novembro (como costuma ser) e os pilotos que estavam nela não mudaram. As únicas coisas que foram trocadas foi em relação às equipes, mudanças da Campos para Hispania, Manor para Virgin e a saída da USF1 em benefício à Sauber.

        No quesito piloto, tudo igual. 😉

        1. Eu lembro de uma coisa que mudou: o número de Nico passou de 3 para 4 na Mercedes por causa do pedido do Schumacher, rs!
          Mas dos pilotos não mudou mesmo não!
          Abraço para todos!

        2. Sem pessimismo, mas duvido. Por eles serem brasileiros claro que a expectativa e otimismo são grandes, mas o dinheiro não acompanha.

    4. Lista legal de ver, apesar de achar ainda meio cedo pra isso.
      Sobre os Brasileiros, acabou que na lista o Bruno não está na Lotus, e acho muito provavel que fique assim, que pena.
      O Di Grassi acho que ainda tem chance em alguma equipe, mas das pequenininhas mesmo.
      Schumacher N°7 hehehe…espero que de sorte.

      Abraços e até mais

      1. Júlio,

        O número 13 é tido como símbolo de azar no automobilismo desde 1926. Na Fórmula 1, ele foi utilizado apenas duas vezes:

        A primeira delas foi em 1963, quando o mexicano Moisés Solana decidiu usá-lo no GP do seu país, terminado a prova em 11ª posição. A segunda vez foi em 1976 no Surtees de Divina Galica. Galica tentava se classificar para o GP da Inglaterra, coisa que não conseguiria. A britânica, talvez decidiu usar esse número porque ela mesmo tinha nascido um dia 13.

    5. Eu creio que Bruno e sua Manager (que é a própria irmã), erraram em tentar essa vaga em 2010. Prá mim, ele deveria continuar na GP2 por mais um ano, adquirindo experiência (e quem sabe o título!) e em 2011, aí sim, tentar uma vaga na F1. Acredito que foi precipitada a decisão, só porque o sobrenome ajudou! Para o Di Grassi, tá do mesmo jeito, se ficar o bicho come e se correr o bicho pega…ficar na Virgin?, ou tentar a Lotus??… a segunda seria a melhor opção…sei lá!!
      Já no assunto números dos pilotos, acho uma babaquice total essa crendice de que o número 13 tráz azar!. Nos EUA, até em edifícios eles não tem o décimo terceiro andar…pufff

    Deixe um comentário

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google

    Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    Conectando a %s