D’Ambrosio a um passo de assinar com a Virgin

Os mistérios que giram em torno de quem ocupará o segundo cokpit da Virgin são interessantes. Com Timo Glock já confirmado em um deles, existem uma série de candidatos nomeados aos segundo posto- Lucas di Grassi (que, apesar disso, já parece carta fora do baralho), Mikhail Aleshin, Giedo van der Garde e… Jérôme D’Ambrosio.

Poucos dias atrás eu apostava no russo Aleshin, campeão da World Series 2010 e que vinha com 10 a 15 mihlões de euros no bolso. Agora, porém, estas evidências sobre Jérôme D’Ambrosio me fazem mudar um pouco o ângulo de visão para o companheiro de Glock em 2011.

Jérôme foi anunciado no dia 31 de janeiro deste ano como piloto de testes da Renault (e mais tarde terceiro piloto da Virgin) o que não é uma coincidência, já que tem sua carreira administrada por Eric Boullier, chefe do time francês e que é responsável pela gestão da carreira de diversos pilotos através da Gravity Management, ramo da Genii Capital, que adquiriu parte da Renault no final do ano passado.

Tanto que D’Ambrosio testou com o R30 nos testes para novatos, finalizando com o segundo melhor tempo na classificação geral, atrás apenas de Daniel Ricciardo, e  Boullier e Gerard Lopez ficaram impressionados com a capacidade técnica e progressão no desempenho do piloto.

Assim, apesar de não poder colocar “seu” piloto na Renault, Boullier já está, a vários meses, focado na Virgin, e até mesmo foi dito que os negócios estão 95% concluídos, faltando apenas uma pequena fração do orçamento requerido por Richard Branson, comandante da Virgin.

 

Até ali, nada de mais. Só que, como nós sabemos, recentemente Richard venceu sua equipe a desconhecida empresa russa de automóveis Marussia, com ínfimos 2 anos de “experiência” no ramo. Claro que o surgimento repentino da fabricante gera dúvidas com relação ao financiamento da empresa, que, se suspeita, esteja ligada à máfia russa.

Assim, na semana passada houve uma votação no conselho de administração da Virgin, e sua grande maioria votou em D’Ambrosio como colega de equipe de Timo na próxima temporada. Só ficou faltando o voto de Nikolai Vladimirovich Fomenko, um homem de 48 anos muito famoso no seu país como músico, apresentador e ex-piloto da Le Mans, que é a pessoa por trás da Marussia.

Obviamente a empresa gostaria de um piloto russo na equipe, e por isso a ligação de Aleshin (que também testou pela Renault). Mas a pressão de Boullier pela escolha de Jérôme e uma suposta opção da Marussia construir uma filial próximo a Spa abrem as portas de D’Ambrosio, que é belga.

Assim, depois de termos o resultado do voto de Fomenko, que deve ser em Jérôme, afim de não entrar em desacordos com a Virgin, poderemos ter já confirmado o piloto belga na Virgin. E suspeito que a confirmação seja dada no dia 27 de dezembro, dia do seu aniversário de 25 anos.

Alguém acredita na contratação do qual viria a ser o terceiro novato em 2011?

7 comentários em “D’Ambrosio a um passo de assinar com a Virgin

  1. Bem que eu queria ver o Lucas andando mais um ano nessa equipe com as mesmas condições que Timo Glock. Ele tem talento e com certeza faria melhor do que fará D’Ambrosio.

  2. Pingback: Tweets that mention D’Ambrosio a um passo de assinar com a Virgin « Blog Fórmula 1 -- Topsy.com

  3. Infelizmente o Di Grassi não tem dinheiro para continuar na equipe. Mas D’Ambrosio não parece ser um piloto que está lá só por causa do dinheiro.

  4. Olha, eu acho que dá D’Ambrosio, viu. Palpite, apenas. O Aleshin tem essa vantagem de ser russo, mas meu palpite é a favor do belga.

    Não entendi direito essa pressão do Boullier. Como ele estaria pressionando a Virgin?

  5. Impressionante a falta de apoio que os pilotos novatos brasileiros, (e alguns estrangeiros como o Hulkengerg) tem e tiveram na F1. A Petrobrás patrocinava a Williams, mesmo a equipe tendo somente pilotos estrangeiros. Quando a Williams acertou com Rubens a BR caiu fora. Bem que empresas brasileiras como a Cosan (que tem um interesse enorme em fornecer etanol para as equipes), Valle, BR e outras grandes, poderiam patrocinar o Lucas ou o Bruno, ou até mesmo ambos!!
    Estou realmente convencido de que a F1 não passa de uma categoria que visa somente lucros e dividendos, esquecendo do principal, o esporte! Se valoriza pilotos pelo que ele tráz no bolso, é muito triste isso!

  6. Pingback: Jérôme D’Ambrosio confirmado como piloto da Virgin em 2011 « Blog Fórmula 1

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: