Efeitos da proibição do ‘escapamento aerodinâmico’

Há uma grande expectativa em torno do que a proibição do escapamento aerodinâmico desenrolará a partir do GP da Inglaterra, daqui a duas semanas em Silverstone. Se existe uma forte pressão por imaginar que a Red Bull irá perder rendimento, a verdade é que não será apenas ela que sofrerá as consequências – E ela mesma já testou correr com a futura mecânica em Valência durante a sexta-feira.

Obviamente, dizer que serão exclusivamente Vettel e Webber quem irão perder parte da vantagem que o RB7 traz naturalmente para ambos aumenta a expectativa sobre as próximas corridas e o fim do massacre de Vettel, principalmente nos sábados de classificação.

Porém, apesar da Red Bull ter desenvolvido com mais ênfasse isto, as outras equipes também poderão apresentar uma queda e talvez o equilíbrio de forças previsto não aconteça nos moldes esperados pela grande maioria que espera ver a disputa pela Pole mais acirrada.

Curiosamente é Helmut Marko quem ‘confirma’ o que Charlie Whithing havia previsto dias atrás: A Red Bull perderá meio segundo por volta com as mudanças em Silverstone. Provavelmente é tudo o que Ferrari e McLaren desejam no momento, mas ainda há um outro fator importante para decidir a divisão de forças: A Pirelli confirmou os pneus duros e macios para a Inglaterra, e não se sabe como será o comportamento destes com a diferença nos carros.

Ainda não sabemos praticamente nada para traçar qualquer previsão sobre o que pode mudar, mas seria o começo de um novo campeonato? Particularmente creio que é exagero dizer isso, mas tudo igual não deve permanecer.

 

24 comentários em “Efeitos da proibição do ‘escapamento aerodinâmico’

  1. A RBR perde, porem a Maclaren copiou muito bem o difusor, esse acerto trouxe a Maclaren de desacreditada na Pre-temporada a favorita no inicio dela, a Ferrari pena com os pneus Duros, acho que fica tudo em csa, A RBR ainda na frente e a Ferrari na frente da Maclaren.
    Entre as pequenas a Toro Rosso e a Renault parecem ter um difusor aquecido que faz diferença o restante não, por isso as coisas lá atras vão ficar mais equilibradas.
    Para terminar fica o recado pra FIA, o melhor carro com um orçamento de time grande (como a RBR) sempre se adapta mais rapido e continua na frente….pois enquanto todos tentavam copiar ela a mesma ja esta desenvolvendo outras partes, e isso ainda será a tonica, todo mundo construindo RBRs Fakes, por isso deixo aqui os Parabens para Renault e Williams, que se tivessem mais grana e melhor estruturas estavam caminhando para um lugar melhor, seus carros são unicos que não são copias descaradas das RBRs

    • Acho, que justamente por Willians e Renault, não serem copias da RBR, poderão até apresentar um rendimento mais proximo dos Top 10 das ultimas corridas. Eu ainda acho, que esse tiro, vai sair pela culatra, principalmente para a Ferrari, que não se acerta com pneus mais duros, e a McLaren, pode voltar a ser a mesma dos testes na Espanha. Na FI atual, é muito dificil antecipar o que pode acontecer, mas, o cenario não parece muito otimista, para o lado emocional da disputa.

    • Mas a Renault, se não me engano, também possui o difusor soprado, portanto, é outra que irá sofrer.

      Cada vez mais fica evidente que a medida foi feita para beneficiar a Ferrari.

      Torço para que a RBR continue sendo superior apenas pelo subterfúgio imoral utilizando pela FIA, mudando regras depois de ter aprovado os carros no início do ano.

      • É fato a Renault parece (dizem por ai não se tem certeza) foi a 1ª a introduzir com ganhos o difusor aquecido e vai cair, Adrian falou bem do Projeto da Renault, vai ver copíou algumas coisas, na F1 todo mundo copia, mas quem tem o carro melhor tem resultados melhores…

  2. Ferrari sim, tem um RB7 pintado de vermelho, mas a McLaren não copiou descaradamente. O MP4-26 é bem diferente, tanto as entradas em L, o bico não é alto e tão curvado……

    Aliás, o bico do FW33 é bem mais parecido com o RB7 do que a McLaren.

    Agora se estivermos falando do escapamento aerodinâmico, aí a coisa muda, praticamente todo mundo copiou, como copiaram o F-Duct ano passado.

    • Mas a Maclaren acertou na copia do escapamento a Ferrari não…

      • Realmente, é fato que se a Ferrari não tivesse feito o escapamento meia boca e tivesse um ganho de desempenho essa regra de mapa de motor, e agora do difusor nunca seriam postas sobre a mesa.

  3. muito difícil prever qualquer coisa. tenho certeza de que a sexta-feira será bem movimentada em silverstone. mas mesmo que a red bull perdesse meio segundo [o que, sinceramente, não acredito], as outras equipes perderiam algo também, o que poderia só diminuir a vantagem dos rubro taurinos, mas não fazer os mesmo perderem a liderança do grid.

    mas é claro, é apenas minha opinião

  4. Acho que nem eles sabem , ficam blefando o tempo todo , e tem novidade na Hispania, o cara que andou mais que o Vetel com o Rbr nos testes, vai pegar essa bomba.

  5. Não creio que seja exagero dizer que é o começo de um novo campeonato, uma vez que alguns chassis que foram homologados dentro do regulamento publicado em março pela FIA não poderão correr.
    A única coisa que está sendo mantida é a pontuação. E enquanto um ex(?)-funcionário da Ferrari for presidente da FIA, fica difícil acreditar que esse tipo de mudança está sendo feita sequer com boa fé. Não duvido também que Montezemollo e Domenicalli tenham a cara-de-pau de pedir, após os resultados de Silverstone, que a pontuação da “primeira metade” do campeonato, com os “difusores (que passam a ser) ilegais” seja anulada.

    Quanto à Renault, pelo que fiquei sabendo, o sucesso se deve a ter “captado” as intenções da Red Bull quando esta pediu alterações no desenho do escape e consultou a possibilidade de mudanças no controle do regime de trabalho do motor. Quando o “ok” da Renault (montadora) de que os RS27-2011 fariam o que os rubro-taurinos esperavam chegou em Milton Keynes, a mesma informação foi enviada a Enstone.

    Já torcia pela Red Bull pelo espírito de inovação e excelência do time como um todo, pela genialidade de Newey e pelo talento de Vettel e, por que não, Webber. Os motivos bem apontados pelo Clay me fazem torcer também pra que não apenas a Red Bull se mantenha à frente, mas que Renault e Mercedes passem Ferrari e McLaren. Que o título de pilotos e construtores seja decidido com umas quatro ou cinco corridas de antecedência e que Schumacher, Rosberg, Petrov e Heidfeld briguem palmo a palmo pelo terceiro lugar.

    Tecnicamente, o difusor soprado pelo escapamento é uma das soluções mais inteligentes que já vi no automobilismo nos últimos 10 anos. É mais eficaz e mais seguro que o F-Duct, permite que um carro sem KERS (ou sem utilizar o mesmo) se mantenha à frente de um com KERS, reduz o arrasto na parte inferior da traseira (complementando o DRS e economizando combustível nas retas) ao custo de alguns poucos quilos de combustível a mais por final de semana.
    Mas não acho que este seja o único ás na mão do Newey. Na pré-temporada todo mundo comentava o bico do RB7. O combustível extra que não vai ser gasto pra manter o motor “soprando” o difusor pode ser usado num preset de motor mais agressivo durante parte das corridas. Como o mapeamento não vai mais priorizar o fluxo de gases, acho que é possível que os RS27 disponibilizem um pouquinho a mais de potência na saída das curvas. Também acredito que o remanejamento do conjunto de escape permita à Red Bull usar o KERS da Renault a 100%.

    Acho que existe 50% de chance da diferença entre as equipes baixar um pouco (mas ainda com a Red Bull à frente), 40% de chance dela se manter e, em se tratando de Newey & Cia., 10% de chance do gap aumentar.

    • Lembrando – como disse o Cassius – que possivelmente será a Renault, ao lado da Red Bull, uma das que mais será impactada pelas mudanças, inclusive senão me engano, já li Boullier falando um pouco sobre essa questão.

      Além disso a Renault já não está lá aquilo tudo, com a Mercedes avançando, não creio que ela seja a 4ª força esse ano.

  6. Vocês viram que o Ricciardo vai correr pela Hispania no lugar no Narain???
    Na minha modesta opinião, agora ficou bem evidente: em 2012, Webber fica na RBR e Ricciardo entra na STR. Buemi e Jaime terão que se engalfinhar pela outra vaga.

    • Pode ser, curiosamente hoje é o aniversário número 22 dele, o estranho é que justamente na pior equipe do grid atual, mas se o motivo for esse, é uma forma de alertar Buemi e Alguersuari.

      • Colocaram ele lá apenas para ter uma noção, bem basica mesmo, do que é F1. Ano que vem ele vai pra Toro Roso, e em 2013 quem sabe a Red Bull.

  7. Pode até não piorar para a RBR, mas só a INTENÇÃO de mexer no campeonato para prejudicar a equipe já é motivo de vexame para os ingleses da FIA. Ferrari e Mclaren que se virem pra alcançar a RBR na tabela. Será que Ferrari e Mclaren conseguem fabricar bons energéticos?

    Para o Galvão, que adora DESTACAR “batalha” de grid, mas se esquece de coisas mais relevantes! Em número de títulos os alemães passam o Brasil no final do ano, o resto (poles e pódios) é questão de tempo…

    Alemanha

    9 Títulos*
    119 vitórias*
    101 pole positions
    107 melhores voltas*
    267 podiums

    7.015 voltas liderança*
    33.909 kms liderança*
    75.560 voltas percorridas
    376.537 kms percorridos*

    Brasil

    8 Títulos
    101 vitórias
    125 pole positions
    85 melhores voltas
    285 podiums

    6.816 voltas liderança
    32.077 kms liderança
    78.091 voltas percorridas
    372.143 kms percorridos

    • O curioso é que enquanto para o Brasil o esquema é repartido (ou seja, três campeões, dois com três títulos e outro com dois, além de vitoriosos sem títulos), o quadro alemão é na sua maioria graças à Schumacher, afinal das 119 vitórias 91 são dele (claro que depois vem Vettel (estrela recente) com 16 e Ralf com 6, além de Fretzen com 3 e os mais antigos Jochen Mass com uma e o quase campeão Wolfgang von Trips com duas.

      Mas é claro que Vettel impulsiona isso bastante, o fato de ter sido o primeiro alemão a ser campeão depois de Michael já é meritório. Já no Brasil, todos nós sabemos que nem Massa ou Rubens tem um Red Bull.

  8. Cair o rendimento eu creio que vai, mas, todas as equipes sofrerão com isso. Se beneficiar com isso?, talvez a Williams e as demais que não tem o dispositivo. Mas, estamos jogando xadrês sózinhos, somente no treino livre da sexta feira é que saberemos até onde o escapamento e difusor vão fazer falta!

  9. André, acho, que somente a corrida ira dizer o tamanho do prejuizo de cada equipe, ou se ele realmente aconteceu. Até, lá, só podemos supor, e no caso da FI as suposições, quase sempre são frustradas, pelos acontecimentos. O negócio agora, é ter muita paciência e esperar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: